Tagged: Witsel

Cresci a respirar Benfica e nos principios que fundaram o nosso CLUBE

(Artigo de Pedro Pardal)

Car@s Benfiquistas, colegas do BENFICA POWER e tod@s seguidores assiduos. Foi com enorme orgulho que recebi o convite de poder fazer parte integrante deste grupo de amigos que diariamente, tudo fazem ao seu alcance para dignificar e enaltecer o nome da nossa Gloriosa instituição, Sport Lisboa Benfica ! Ontem numa reviravolta mercantilista , houve duas situações a que o futebol moderno se encontra sujeito nos dias que correm. Eu considero-me um romântico, alguêm que ainda acredita em valores morais e éticos, porque cresci a respirar Benfica e nos principios que fundaram o nosso clube. Foi com pesar que assisti á decisão de dois nos nossos, agora, ex-jogadores e algum silêncio ensurdecedor, mais concretamente do atleta Axel Witsel. Toda a classe que Witsel demonstrou em campo a defender o nosso emblema, foi apagada da minha memória. Não por mero despeito como poderão pensar, mas sim por uma mostra inequivoca de que ingratidão é algo que o anteriomente citado demontrou para com tod@s os sócios, adeptos, simpatizantes do Glorioso S.L.B. Caso encerrado !


Contudo o maior pesar foi a reacção de adeptos, que mais uma vez, aproveitaram-se desta situação incontornável para “descascar” mais uma vez na nossa direcção e treinador e tudo isto numa semana em que o BENFICA venceu duas supertaças, consolidou o 1º lugar na classificação na liga Zon Sagres e outra grande vitória da nossa equipa B. teremos agora duas semanas de paragem nas competições de futebol, mas o Benfica não tirará férias, tal como nós não iremos ficar em silêncio a aguardar o que “estará para vir” ! O S.L.B. é o clube da Águia e quem ama o Benfica não age como um abutre. Deixo-vos nesta minha estreia, neste GRANDIOSO grupo de Benfiquistas com um agradecimento pessoal ao Carlos Fontes por me ter lançado este desafio que espero estar á altura para contribuir para o grande trabalho desempenhado pelo staff do BENFICA POWER e tod@s que o seguem. O meu muito Obrigado, um Abraço Glorioso a tod@s vós e VIVA O BENFICA !

p.s : Pessoas assim não têm preço :

JN (Javardo do Norte) a vender porcos como se fosse ouro

Vejam o que dizem estes jornaleiros, o Benfica precisa de vender, mas só temos um jogador com mercado e a clientela, por vontade de eles, nem paga a cláusula de rescisão, por outro lado, no norte temos porcos a serem vendidos a preço de ouro.

Dei por mim a rir ao ver como este assunto é tratado por estes Javardos do Norte (JN), estes senhores bem querem vender jogadores do FC Porto pela cláusula de rescisão, no entanto, eles sabem que de certo que nenhum deles sai por esse preço. Mas insistem em mostrar qual a cláusula deles, um Boneco tem um valor, para estes senhores, de 100M que ninguém o quer, outro que para mim é um flop dizem que só sai por 45M que para variar é a sua cláusula, dizem que a maçã podre só por uns míseros 40M e o boca-doce é 30M, digam lá se não é para rir.

E nós no Benfica sem clientela para o plantel, estamos lixados, só somos capazes de vender o Witsel e a preço da uva mijona.

Pois claro, o Pinto da Costa é quem sabe negociar, mas esquecem-se que do preço que pagaram por estes jogadores e os valores que estes pertencem a fundos obscuros, mas nós recordamos estes senhores dos valores que estes outrora deram por estes senhores. O Boneco custou aos cofres da SAD do Porto 19M, fora o que não é declarado, mas pronto, o Flop o Porto deu por 70% do passe 5.1M, valor anunciado à CMVM. Por sua vez a Maçã podre foi 11M mais 50% do passe de Nuno André Coelho, para terminar, o Boca-doce que tanto gosta do clube mas que mal vê hora de ver o Porto pelas costas, foi a modica quantia 4,5 milhões de euros que só fica com 80 por cento dos direitos económicos do jogador. Quero lembrar aqui esse óptimo negócio que foi o Walter por 8,5 milhões, esse que anda por ai na segunda divisão do Brasil e que ninguém o quer nem de borla. Este Pinto da Costa faz sempre bons negócios, só queria que o meu presidente fosse igual, isto dizem alguns Benfiquistas, eu digo outra coisa, este senhor sabe é vender o seu peixe, ou seja é um bom peixeiro. Esconde os podres e paga à impressa corrupta que lhe vendam os jogadores, pode ser que um dia se fod…

Nós no BENFICA POWER, vamos estar atentos, como o fizemos até aqui, e deixamos uma mensagem de que a nós ninguém nos cala, nem nos leva por TóTós, como eles querem levar todos os que compram este papel que nem para limpar o que nós sabemos serve.

Ultimas do Mercado

Mentira, verdade, rumores?

Ola John, extremo-esquerdo do Twente, mais longe da luz de acordo com as palavras do vice-presidente do clube holandês.

Benfica é a solução que deixa Fábio “louco”

Sir Alex Ferguson recomendou a rodagem no Benfica, os responsáveis encarnados esperam o jogador – incluído ou não na transferência de Gaitán para o Manchester United – e Fábio está em pulgas para rumar à Catedral, apesar de também ser desejado em Inglaterra. A garantia é deixada pela própria mãe do jogador, Laurinda Silva, que está naturalmente a par das operações. “Fábio está louco para ir. Está muito decidido mesmo, e acho que vai ser bom para toda a gente”, dispara a progenitora.

Sempre em tom bem-disposto, a D. Laurinda confessa que dificilmente encontraria melhor destino para o filho do que Lisboa, por todos os motivos e mais alguns. Abre-se a possibilidade de o jovem ter mais minutos nas pernas do que em Old Trafford, a família também já conhece a cidade e, naturalmente, há sempre um pouco de Brasil em solo luso. “Como ele quer ir, ajuda muito. Em Portugal, há mais coisas para fazer lembrar o Brasil. Além disso, ele vai jogar mais e, onde está feliz, joga melhor”, frisa, assegurando estar “a par da maioria das coisas em torno do negócio”: “Antes, só falávamos pelo telefone, mas ele agora está cá e sei bem o que sente. Já estive em Lisboa uns quatro ou cinco dias e adorei! É uma cidade muito bonita e, desde que Fábio esteja feliz aí, eu também vou estar!”

A mãe do ambidestro vai passando os dias “à espera de que tudo dê certo”, mas não esconde alguma preocupação pelo facto de os gémeos se irem separar pela primeira vez na sua vida. A concretização do negócio está, todavia, tão próxima que a D. Laurinda até já tem traçado um plano para que ninguém precise de andar sempre de coração apertado. “Estou um pouco preocupada com a separação dos dois, porque nunca aconteceu. Mas já falámos e, como Lisboa é perto, vai dar para Rafael ir aí quando tiver uma folguinha, ou Fábio ir a Inglaterra também. E eu vou acompanhando os dois pelo meio [risos]”, adianta, sem esconder também que tem sido muito mais próxima dos filhos desde que estes… vieram para a Europa: “Vivi mais com eles depois de eles saírem para o Manchester United do que enquanto estávamos todos no Brasil.”

O motivo é simples e até mete uma história engraçada pelo meio que ainda hoje a mãe de Fábio recorda com alguma emoção. “Eles [Fábio e Rafael] desatavam a chorar, quando eu saia para trabalhar e eles tinham de ir para as concentrações do Fluminense. Quando eram eles a sair, choravam sempre muito e diziam-me que tinham medo de que eu deixasse de gostar deles porque se iam embora. Mas diziam sempre que tinha de ser e iam na mesma, depois de mais um choro, claro. Não havia mesmo nada a fazer. Eu trabalhava como doméstica e não tinha como levá-los comigo. E ainda outra coisa: se eu não os podia levar, eles também não queriam deixar de jogar à bola. A separação era mesmo inevitável”, relembra.

Já quem nada gostava de trazer à memória Portugal era o avô materno de Fábio. O alvo do emblema da águia para a próxima temporada – a título de empréstimo – tem nacionalidade portuguesa e só conseguiu a mesma porque o seu avô nasceu… em Bragança. Ali nasceu em 1909, rumando ao Brasil com 22 anos para montar uma “chácara de flores”, que na prática se resume à “plantação e venda de flores a lojas”, como explica a D. Laurinda Silva. A mãe de Fábio pouco sabe sobre a vida do seu pai em terras lusas, pois “ele não falava quase nada sobre o assunto”. “Às vezes tocávamos no tema, mas como ele ficava muito incomodado e acabava sempre por se emocionar, nunca avançávamos a conversa”, remata

Perde-se pela feijoada à brasileira da mamã

Se há prato pelo qual Fábio se perde é a tão conhecida feijoada à brasileira, com a boa mistura de carnes e enchidos, o afamado feijão preto e farinha de mandioca. “Tanto ele como Rafael são loucos pela feijoada. E já se sabe que a comidinha da mãe e das avós é sempre especial, não é?”, dispara a D. Laurinda, confiante em que poderá repetir muitas vezes o prato em Lisboa, onde tem fácil acesso a todos os ingredientes para um bom prato: “Aí há tudo como no Brasil, não é? Carne boa, hortaliças… Até por isso vai ser bom para Fábio ir”, brinca

AC Milan já falou com Witsel

O AC Milan está muito interessado em Witsel e, até já entrou em contacto com o médio benfiquista, no sentido de o tentar seduzir a abraçar o projeto “rossoneri” a partir da próxima época. O jogador ficou até algo surpreendido com a abordagem dos responsáveis do colosso italiano e procurou aconselhamento nos seus círculos mais próximos.

Para além do próprio internacional belga, também o seu empresário – por sinal, seu pai -, Thierry, está a par do ataque do clube milanês ao centrocampista, que esteve com um pé no AC Milan antes de ingressar no Benfica. O interesse em Witsel reacendeu-se há algumas semanas, mas só recentemente o AC Milan decidiu dar mais um passo para tentar garantir os serviços da pérola encarnada, entrando em contacto direto com o jogador no sentido de lhe apresentar o projeto e procurar seduzi-lo a fazer parte do mesmo. A ideia do AC Milan é clara e passa, desde logo, pela renovação do meio-campo, onde na próxima época já não estarão figuras como Seedorf, Gattuso ou Van Bommel. Os dirigentes do clube transalpino procuram rejuvenescer o seu plantel e, na sua perspetiva, Witsel encaixaria como uma luva na nova fórmula, não só pela sua idade (tem apenas 23 anos), como pela qualidade de jogo que vem apresentando, tanto ao nível de clubes, como na sua seleção.

Os italianos estão longe, contudo, de andar sozinhos na luta pelo médio. Também o Paris Saint-Germain está muito interessado e o seu diretor desportivo, Leonardo, já sabe quais as condições pretendidas pela SAD encarnada para libertar o ex-craque do Standard de Liège – Luís Filipe Vieira pretende encaixar 35 milhões de euros, menos cinco milhões do que a verba estipulada na cláusula de rescisão.

A juntar a um cenário já de si agitado, há ainda o… Real Madrid. É que, os responsáveis benfiquistas estão dispostos a aproveitar o interesse do emblema de José Mourinho em Witsel para tentar – na mesma operação – assegurar a metade do passe de Garay ainda na posse do campeão espanhol. A sociedade anónima das águias há muito decidiu que esta é uma medida a tomar e, depois de ter desembolsado 5,5 milhões de euros por cinquenta por cento dos direitos económicos do internacional argentino, está agora disposta a incluir os restantes numa eventual transferência do belga para Madrid. Esta tipologia de negócio já vem sendo, de resto, bem comum entre o Benfica e o Real Madrid, bastando para isso recordar as vendas de Di María e Fábio Coentrão aos madridistas, que incluíram sempre negócios paralelos – como a vinda de Rodrigo, por exemplo -, mas apenas possíveis pela existência do entendimento pelos primeiros.

Certo, é que Witsel é um dos jogadores com os quais Filipe Vieira conta para equilibrar as contas.

Segundo o portal calcionews24, a Roma está a preparar uma proposta de 20 milhões de euros para levar Axel Witsel, valor que representa metade da cláusula de rescisão do internacional belga e que não deverá convencer os responsáveis do BENFICA a libertar o influente médio de 23 anos.

Sondagens por Franco Jara

Além do Granada há outros clubes que já manifestaram interesse no jogador, sobretudo na hipótese de empréstimo. Granada é opção em cima da mesa. Ele quer jogar com regularidade, vamos ver se o Benfica tem isso em conta», explicou, antes de frisar que «Jara fez um bom final de época»

Eder Luis revela que Vasco da Gama já fez proposta ao Benfica

«Preocupado, sim, em chegar à final e não poder jogar. Mas o Vasco já fez uma proposta ao Benfica. O Daniel Freitas (diretor de futebol) disse que as coisas têm evoluído bastante. Vamos esperar este mês, para ver o que acontece»

Daniel Freitas está confiante na permanência tanto de Eder Luis como de Fellipe Bastos: «Pelo que apresentamos ao Benfica, estou confiante. A proposta foi boa e creio que eles continuarão no Vasco»

Mauro Caballero está a um pequeno passo de tornar-se oficialmente jogador do BENFICA. O negócio entre águias e o Libertad, do Paraguai, está praticamente concluído, e agora, segundo Falta apenas limar algumas arestas para que o acordo seja total.

O BENFICA já fez uma proposta por Marcos Rojo e, agora, espera por uma resposta do clube que detém os direitos desportivos do jogador, o Spartak Moscovo. Os russos encontram-se, agora, a analisar os valores da oferta e têm de decidir se aceitam desfazer-se de um jogador, por quem pagaram 2 milhões de euros em janeiro do ano passado.

O central Roderick Miranda, que atuou no Servette cedido pelo BENFICA, vai deixar o clube suíço para se juntar à equipa encarnada na próxima temporada, caindo assim por terra o desejo por parte do dirigentes do Servette, de Rodrick continuar a representar os helveticos.

Mais uma prova da mesquinhez e do ódio que a grandeza do BENFICA, gera naquela gentinha…!

Defour: «Só posso apertar a mão a Witsel longe das câmaras»

Para a mentalidade belga não é fácil entender a rivalidade entre F.C. Porto e Benfica. 

«A rivalidade entre F.C. Porto e Benfica não pode ser subestimada. A direção não me queria ver em imagens com o Witsel. Quando jogámos contra eles disseram-me para o cumprimentar apenas longe das câmaras», disse Steven Defour, garantindo não haver qualquer problema pessoal com o compatriota e ex-colega no Standard Liège. Basta atentar às palavras de Steven Defour. 

O médio dos dragões, em entrevista à Gazeta de Antuérpia, teve de explicar os motivos que o levaram a não cumprimentar Axel Witsel publicamente.

«É para vocês verem o quão pesada é a rivalidade. Há mais de 300 kms entre Porto e Lisboa, não é fácil encontrar-me com o Axel. Além disso, somos desencorajados a fazê-lo.» (in Maisfutebol)

Mais uma prova da ditadura e regime que se vive para aquelas bandas, onde nem sequer os valores humanos se conseguem sobrepor a um ódio e sentimento de inferioridade que será com toda a certeza eterno, para com o maior clube português e um dos maiores do Mundo…, O GRANDIOSO BENFICA! Eles sabem muito bem que por muito que ganhem, que por muito que façam tudo para ganhar, nunca…, mas mesmo nunca, terão a grandiosidade e serão vistos como o BENFICA o é, seja em Portugal, seja no resto do Mundo! Sois e sereis sempre muito pequeninos, quando à nossa beira!…, e todo o vosso ódio vem da vossa consciência para com essa realidade!

Taça da Liga é nossa. Sem Cafeína, Lactose e igualmente sem Frutose.

Que querem meus amigos…foi o que se viu… 4ª Taça da Liga nas mãos da melhor Equipa Portuguesa nesta Época.

Numa prova onde apesar de ainda ter havido quem ainda tentasse convencer algumas arbitragens sobre as potencialidades medicinais da Frutose, as Equipas que defrontaram o Sport Lisboa e Benfica, mantiveram-se firmes no propósito de estranhamente apenas quererem jogar futebol e naturalmente o “Caneco” o 4º já mora na Luz.

Jesus ao leme, Eduardo na retaguarda a mostrar que podemos estar descansados quanto à guarda das nossas redes, à sua frente aquele que foi considerado o melhor Jogador em campo Witsel, Xerife Garay, , e o luxoso suplente Saviola… No passa nada !!! Jogando em velocidade de passeio a vitória não nos escapou.

A meio o colosso de Rhodes, perdão Matic, um irreverente domesticado em fantástico jogador de Equipa chamado Gaitán, na frente Rodrigo como se que quisesse dizer ao Bruno Alves, “o que me provocaste está resolvido…mas não esquecido” toma lá o 1º golo que eu estou de volta.  Saviola é olhar e aprender como se resolve um jogo.

Por fim, o diamante, o Mago, Pablito Aimar…quão injusto posso estar a ser e sei que estou, mas ainda assim, com uma Equipa como a actual do Benfica, Aimar entra, e pasmem, observem o que é um Mago a tratar a bola…fantástico!

Esta é nossa ! A Livre de qualquer aditivo. Sem Cafeína, Lactose e igualmente sem Frutose. E este» É um Título ! Não se trata de um Troféu (Super Taça), mas a este assunto voltaremos mais tarde.

BENFICA vs Braga – Luta de Titãs

Grande BENFICA, grande vitória!!!

O Braga foi um digno vencido, desta vez não se preocupou com muitas simulações, nem com jogo agressivo e mostrou porque estão no lugar que estão (apesar de num ou noutro jogo tenham sido favorecidos, mas que têm melhor equipa e que jogam melhor que o focul corrupto, disso ninguém tem dúvidas), jogou também com o autocarro e no contra ataque, viram que deu resultado em dois ou três jogos contra o SLB e talvez esse até tenha sido o seu erro.

A mostrar que desta vez não não vinham para a habitual guerra que tanto gostam, exemplo disso foram as “pazes” feitas entre Javi e Alan que comentou acerca do assunto:

«Está esquecido, são coisas que acontecem. Nem eu nem ele nos lembramos mais disso. Falámos lá dentro, cumprimentámo-nos no começo e no final do jogo. Somos profissionais e temos de dar um bom exemplo.»

Oh pá o treinador e presidente do Braga não se portaram mal nem nos comentários.

A arbitragem hoje nem esteve mal de todo, a dualidade de critério foi bem diferente (já repararam que os adversários do SLB levam quase sempre o 1º cartão amarelo do jogo e depois não levam mais nenhum e os jogadores do BENFICA acabam sempre por levar três ou quatro), tivemos jogadores do Braga que fizeram faltas em todo o lado do terreno de jogo sem se preocuparem com a bola, apenas com as pernas dos jogadores do BENFICA, incluindo á entrada da grande área do Braga.

Supostamente (e supostamente porque a sport tv insiste em não mostrar certas repetições de lances a favor do BENFICA) ficaram 2 penaltys por marcar (ou não) a favor do SLB.

Podiam apontar mais um lance ou outro, mas vou apenas falar de um, do penalty.

Ninguém tem dúvidas, julgo eu, que foi penalty e também não tenho dúvidas que o Elderson não tem intenção de agredir o Bruno César, mas é uma agressão e deveria ter visto o cartão vermelho (já vi jogadores do BENFICA atingirem o adversário com a mão no peito sem intenção e levar cartão vermelho directo), mas a acontecer seria só de um jogo, pois toda a agressão vale menos jogos de castigo do que um lance sem intenção do PABLITO) e digam lá quem foi o magano que marcou o golo do empate.

O BENFICA teve sempre o jogo controlado, teve momentos intensos (e outros menos) e mais uma vez não conseguiu marcar por várias vezes, o Braga no contra ataque também o podia ter feito numa ou duas ocasiões.

Quando a chama se estava quase a apagar (lembrar a quantidade de jogos que o BENFICA tem ido e vai ter e o valor dos adversários) eis que surge uma jogada à BENFICA, genial, com garra, querer, ambição, resistência, determinação e …que belo golo (terá o Bruno César vertido ali uma lagrimazinha).

Foi uma luta de guerreiros e titãs, mas no final todos se ajoelharam aos pés de César.

A equipa está toda de parabéns! É lindo ver estes meninos irem comemorar os golos com os adeptos!!!

Ainda não estou descansado em relação a este jogo é que talvez (ai num desses jornalecos ou programas de tv) alguém descortine um lance contra o BENFICA para tirar mérito a uma grande vitória (e até já estou a ver qual é… JG).

Antes deste jogo com o BENFICA diziam lá para os lados de Braga que ia ser um jogo importante e que podia decidir o título, que vinham á Luz para ganhar, matar o borrego, agora vejam o que disse o Mossoró:

“Nem sempre ganha o melhor…”

“A equipa fez um grande jogo. Nem sempre a melhor equipa ganha. Saímos com a lição de que somos uma grande equipa. Há que tirar daqui as coisas boas e fazer uma boa partida com o FC Porto. Será mais uma final e esperamos mais um resultado positivo. Podemos ficar entre os três primeiros e no final fazemos as contas”

Ai maçaroca, maçaroca, é bem verdade, mas desta vez ganhou o melhor, mas então com o BENFICA era jogo para o título, com o focul corrupto vão fazer uma boa partida para ficarem nos três primeiros lugares?

Os adeptos do BENFICA têm muito peso na equipa e todos os jogadores sentem isso, seja no apoio seja nos assobios e vaias, mais que em qualquer outro clube e nós somos diferentes, sempre o fomos, mas parece que estamos a mudar…

…adeptos, ditos BENFIQUISTAS parece que vão para o estádio ou café para assobiar e até concordar com os anti, esse ditos adeptos acreditam mais nos rumores lançados (desde o início do futebol no nosso país) por os outros clubes rivais, se é que temos algum, jornais e TVs (esses que comem á custa do SLB e que nada mais fazem do que mandar abaixo e cuspir no prato que comem) ao invés de realmente continuarem a ver a podridão do futebol que tanto nos prejudica e do que propriamente aquilo que está á sua frente.

No outro dia falei que vejo mais apoio ao BENFICA quando joga fora do Estádio da Luz (não me venham com desculpas de que essas pessoas normalmente não assistem a tantos jogos, é certo que alguns não, mas do Norte ao Sul e não só, fim de semana sim, fim de semana não e até dias de semanas, deslocam-se a Lisboa para assistir a jogos do seu clube, da sua paixão…) incluindo no estrangeiro.

O BENFICA perde jogos, claro, todas as equipas perdem. O BENFICA por vezes não joga tão bem? Claro faz parte do futebol as equipas por vezes não estar tão bem, tal como podem estar a jogar muito, muito bem 90 min e empatarem ou perderem o jogo.

O público deve ser a orquestra do nosso clube, quando isso acontece é ver a sintonia que existe, a magia, a poesia do futebol dentro de campo (por vezes não é bem assim, mas como disse faz parte).

Todos nós temos dias menos bons, todos nós cometemos erros e todos sabemos que se alguém nos apontar o dedo, não der um incentivo, um pequeno apoio, as coisas tendem a ir mais ao fundo e é isso que se passa com jogadores, com equipas.

Todos temos direito de preferir este ou aquele jogador, mas por vezes é o que temos e também não estamos nos treinos para ver o que cada um mostra em cada treino e como a equipa tem de ser construída e como funciona melhor.

Aplaudir um jogador adversário que é bom jogador, aplaudir um ex jogador do BENFICA que em certo momento é nosso adversário, é bonito, mas fazer isso e no mesmo jogo assobiar jogadores do nosso clube em que as coisas lhe podem estar a correr mal (ou até não, pois certos jogadores já estão marcados desde o inicio…estigma não é) ou que está a fazer tudo bem e tem a infelicidade de falhar num lance, seja por culpa própria seja por mérito do adversário.

Gritar euforicamente um golo do BENFICA ou uma vitória é muito bonito e bom para o nosso ego perante os adeptos e equipa adversárias, mas sofrer um golo e nesse momento assobiar, voltar as costas e ir embora é de uma frustração que não cabe num BENFIQUISTAS só está á altura de quem nós sabemos.

Ter de ver neste jogo o Maxi a pedir ao público para orquestrar a equipa, apoiar, embalar a equipa rumo á vitória, no ultimo minuto de compensação quando o BENFICA vencia por 2-1 e precisava do apoio do jogador nº12 naquele momento em que o Braga ia dar tudo, mas tudo para conseguir empatar, é muito triste.

Gostava de saber porque gastam dinheiro em bilhetes, fiquem em casa a chamar nomes á TV, gastem o dinheiro e ofereçam os bilhetes aqui a este humilde BENFIQUISTA.

A sério, apoiem todos os jogadores do BENFICA, apoiem o treinador, a direcção, o clube e isso significa que o vosso ego vai estar sempre em grande, saibam ver e separar cada situação, pois além de tudo ver criticar o treinar por uma substituição dizendo que inventou porque correu mal o jogo e depois dizer que essa mesma substituição foi boa e que desta vez o treinador não inventou só porque o jogo correu bem…Olhem até foi o “gordo” que ganhou o penalty e marcou o 2º golo.

Vejo jogadores adversários a defenderem mais certos jogadores do BENFICA que certos ditos BENFIQUISTAS e que gostem dele ou não (Quim), hoje disse uma verdade:

“Eu jogando aqui já era assobiado, portanto já estava habituado. Tenho muito respeito por esta instituição. Nas últimas duas vezes que o Benfica foi campeão era eu que estava na baliza e isso é que é importante”

Oh Quim, querias o quê no final do jogo?

Palmas para o Nuno Gomes que não comemorou o golo (quando tinha todo o direito de o fazer).

Nós sempre fomos diferentes, nós temos de continuar a ser diferentes e não gostei nada de ver no lance do penalty serem atirados objectos para dentro do campo.

Por fim, se me perguntarem se eu acredito que o BENFICA vai ser campeão este ano, eu respondo sim e não.

– Sim, porque temos melhor equipa e merecemos, não foi por 2 ou 3 jogos que merecemos perder (pois os nossos adversários directos já fizeram piores).

– Não, porque assistindo ás arbitragens que temos visto…

Força Miguel Vítor e que recuperes rapidamente!

NÓS SOMOS DIFERENTES! NÓS SOMOS BENFICA!

Para os pequerruchos que abandonaram o Estádio (penso que estava na hora do biberon) aqui fica o que não viram, podem avançar o vídeo até essa parte (Algum de vocês sabe o que foi o INFERNO DA LUZ?).