Tagged: Sporting – Benfica

Manipulação a quanto obrigas…

Image

Ao passar os olhos pela imprensa de hoje, “méritos do Sporting, a haver um vencedor…” para não falar na total ausência sobre o que motivou que a um Benfica mesmo a meio gás, não tivesse vencido calmamente o Derby, e, depois de sorrir perante algo que já nem me suscita qualquer espanto ou mesmo indignação de tão normal já ser, tinha duas opções de reacção, um belo e puro de um vernáculo para com os Jornalistas, ou perder um pouco mais de tempo e escrever algo sobre o tema. Comecei por me lembrar o que já George Orwell dizia:

“O jornalismo é manipulado, seja em que país for. Por mais democrático que seja…” George Orwell

Jornalismo, política, venalidade, onde está a fronteira? Eu respondo, Está na sua forma mais reconhecível, a de desonestidade, a venalidade que leva as pessoas a mentir e a roubar (sim, este é o termo correcto) em seu benefício pessoal, e está relacionada com a corrupção e nepotismo, entre outros vícios.

Posso assegurar que temos pouquíssimos jornalistas em Portugal…

Quem se interessa pelo fenómeno, sociólogos ou não, dizemos muitas vezes que o jornalista não exprime o seu sentimento, mas sim o que lhe mandam dizer. É um produto da sociedade um exemplo que os media insistem em repetir o que revela o seu grau baixíssimo de lealdade para com o verdadeiro Jornalismo.

Se é apenas no Desporto? Claro que não. Os benefícios e vícios aí são diferentes e mais lucrativos para esta classe jornalística que temos, essa é a única diferença porque no restante “jornalismo” o que aqui afirmo é igual. Como exemplo do que digo o que hoje leio na imprensa desportiva é como o jornalista escrever ou dizer que o emprego baixou, quando estamos em época sazonal….

E assim, volto ao meu sorriso envergonhado pela imprensa que temos.

Anúncios

Mais uma teoria da conspiração…, ou então não!!!

Hoje é dia de Final da Taça da Liga, eu sei, mas nada melhor do que este dia para lembrar certas situações, antes que elas caiam no esquecimento!…

Provavelmente até somos nós que convivendo e sentindo na pele as injustiças do nosso futebol cada vez mais podre, já vemos segundas intenções em tudo…, mas se calhar também não, e nos bastidores quem sabe se não é assim que as coisas se fazem…, ora vejamos estas tristes coincidências para os nossos lados no que toca ao Artur. Mas o Artur do porto, aquele que não joga com luvas, mas sim com um apito…

Facto 1Artur Soares Dias apita no dia 20 de março, o jogo Benfica-Porto para as meias-finais da Taça da Liga, jogo que o Benfica venceu por 3-2, tendo efectuado provavelmente uma das melhores arbitragens deste ano, nos jogos entre os grandes!

Como é do conhecimento geral o clube da fruta não tem interesse absolutamente nenhum por tal competição (pelo menos enquanto não ganharem nenhuma, assim continuarão, a fazer de conta que esta competição não lhes diz nada…), logo era um jogo que aparentemente não lhes interessava! No entanto lembram-se das críticas das duas personagens da fruta no final do jogo em que se queixaram até mais não de uma arbitragem que andou perto da perfeição (coisa rara e com a qual os senhores da fruta não estão habituados a lidar!). Pinto da Costa chegou mesmo a pedir à comissão de arbitragem para que os “árbitros reconhecidamente maus deixassem  de arbitrar”.

Facto 2Artur Soares Dias, apita no dia 9 de abril (vinte dias depois), o jogo Sporting-Benfica para a Liga Portuguesa, jogo que o Benfica perdeu por 1-0, num jogo que era crucial nas aspirações do Benfica na luta pelo título, pois o Porto tinha ganho ao Porto B nessa mesma jornada (como todos vimos…)!

A aparição do árbitro em questão neste jogo, terá sido um castigo por parte da comissão de arbitragem para com Artur Soares Dias, depois das queixas, diga-se de passagem, descabidas, por parte dos senhores da fruta? Se calhar não…, foi só mais uma coincidência…, ou se calhar até foi! Do género…, “Ó Artur agora vais de castigo para Alvalade arbitrar o Sporting-Benfica, e vais fazer mea culpa e rectificar aquilo que fizeste há vinte dias atrás…”, ou melhor “vais arbitrar como tem sido hábito nestes últimos tempos arbitrar o Benfica! Ok?…, e nada de isenção!…, sabes muito bem quem tem que ganhar esta Liga, não sabes? Portanto vê lá o que nos arranjas desta vez…, vê lá se te atreves a apitar bem!!!”

Conclusão final: No prazo de vinte dias, Artur Soares Dias conseguiu retomar os padrões habituais de arbitragem, no que toca a apitar o Benfica na fase crucial da Liga Portuguesa!

P.S. Este post não tem como finalidade demonstrar que o o Sporting ganhou ao Benfica com a ajuda do árbitro, mas sim demonstrar que o Benfica perdeu com o Sporting, porque também foi altamente prejudicado em lances que podem decidir jogos…, jogue a equipa em questão bem ou mal…

Alguém que me esclareça…

Depois do jogo de ontem, a “lagartagem” em geral, e reparem que digo “lagartagem” e não Sportinguistas, entraram num estado tal de euforia que até agora ainda não percebi bem o porquê? Mas vou-me tentando esclarecer…, e questiono-me:

Será que foi por terem ganho a uma equipa a quem já não ganhavam à três anos e tal…? Será porque ultrapassaram o Marítimo no quarto lugar da Liga, e tal como o Elias disse no fim do jogo ainda aspiram à Champions? Será que foi porque tiraram a hipótese remota (e digo remota sabemos bem o porquê…) do BENFICA ser campeão este ano, algo com que não conseguiriam viver nos próximos tempos?

E depois pergunto: O domínio avassalador de jogo que tanto falam por parte do Sporting tem a ver com o quê? Se falarmos em oportunidades de golo estamos esclarecidos…! Foram mais eficazes! Isso sim.., mas isso não torna num domínio avassalador e banho de bola, como querem fazer parecer! Mas o Artur está lá para alguma coisa, ou não…? Senão sem o Patrício, onde é que eles já andavam…, mas pronto! Logicamente se tivéssemos jogado sem guarda-redes tínhamos perdido para aí uns 6-0? Será que uma equipa consegue um domínio avassalador tendo 38% de posse de bola? Fazendo quase menos metade de passes certeiros que a outra equipa? É normal uma equipa cometer 11 faltas, e receber nessas 11 faltas, 6 cartões amarelos e 1 vermelho? Alguém consegue explicar a dualidade de critérios na mostragem de cartões amarelos? E se não quiserem que não fale nos penaltis que não marcaram a favor do BENFICA, eu não falo…, e até aceito que nestes dois lances se houve alguém prejudicado foi o Sporting, porque depois do que estávamos habituados a ver nestas últimas jornadas, nem o Gaitán levou amarelo por ser arrancado pela raíz do relvado pelo Polga, nem o Luisão viu o amarelo por ter enfiado a camisola dele à força na mão do Izmailov…, são lances que os árbitros têm que começar a ajuizar e a defender os defesas por os avançados os obrigarem a estas coisas…!

E como é possível alguém ligado ao Sporting, sejam eles adeptos, dirigentes, jogadores ou comentadores, virem dizer que o BENFICA só se queixa das arbitragens, quando devemos estar presentes a nível mundial perante O ÚNICO clube que decretou luto pela arbitragem, porque repare-se…, ERAM ROUBADOS PELOS ÁRBITROS!!! Moral = a zero!!! Ah…, e parece que até já houve árbitros que se recusaram a apitar jogos deles…, não foi? E porquê?…

O Sporting não foi beneficiado neste jogo! Nada disso…! O BENFICA é que foi altamente prejudicado em lances capitais, como o tem vindo a ser ao longo das últimas 5/6 jornadas, ou há algum problema em admitir isso! O Sporting é apenas mais um “peãozito”, há já algum tempo no tabuleiro da corrupção que impera no Futebol Português, só que não consegue tirar grandes benefícios com isso, porque os donos não deixam, e até já os despromoveram em benefício dos vizinhos de Braga! Mas eles seguem na procissão felizes da vida, e desde que o BENFICA não ganhe, para eles está tudo bem…! É a triste realidade de se ser “lagarto”! Porque a realidade do verdadeiro Sportinguista quero acreditar que seja outra!

Sinceramente tinha vergonha que o meu clube festeja-se assim uma vitória, que lhe permitiu apenas ultrapassar o Marítimo no 4º lugar da classificação, a quatro jornadas do fim!…, Ou se calhar estavam apenas a treinar os festejos para a vitória na Taça de Portugal, para a vitória na Liga Europa ou então para o apuramento para a Champions League…! E mais…, para mim ter perdido ontem com o Sporting, ou ter perdido com o Guimarães, com a Académica ou com o Feirense, foi perfeitamente igual! Há muito que deixei de reconhecer o Sporting como um clube grande no Futebol Português! Vassalagem é coisa que não tolero!!! Vassalagem com a corrupção…, muito menos!!! E o complexo de inferioridade que têm perante o BENFICA não lhes passa…, não entendo porquê, mas não lhes passa! Libertem-se disso e vão ver que talvez consigam fazer algo mais…

E o herói do jogo ao contrário do que dizem não foi só o Artur! Foram os ARTURES!!! O do BENFICA e o do porto…! Assim sim, concordo!!!

Objectivo do BENFICA POWER

“Apoiar o Benfica”

Todos queremos! A forma? Cada um tem a sua muito pessoal. Por diversas circunstancias…a vontade de o fazer por vez é tal que nos esquecemos do que nos une: O SPORT LISBOA E BENFICA.

E é sem qualquer maldade que tal acontece. A nossa vontade de ajudar, de colaborar, enfim  de fazer algo, faz com que por vezes, nem nos apercebamos da importância que cada um de nós tem na grandeza do maior Clube do Mundo.

Cada um de nós é uma pequena peça fundamental na construção da sua grandeza. Sempre foi desde o sonho tornado realidade por parte de alguns homens naquela Farmácia Franco. Cada um de nós tem um valor enorme em toda a IMAGEM deste “quadro majestoso” que é o BENFICA. Mas, não queiramos ser o quadro todo, não faz sentido, nem é exequível. Logo, seja qual for o resultado devemos ser a peça unida a todas as outras representam a FORÇA DO SPORT LISBOA E BENFICA !

Connosco quem quiser contra nós quem puder.

Viva o S. L. e BENFICA

Temos que dar uma resposta cabal da NOSSA GRANDEZA!

E hoje é o dia…!

Em face aos últimos acontecimentos que envolvem o BENFICA, e a falsidade da Liga Proença, diria que hoje seria o dia para calarmos todos os energumenos que transpiram raiva e ódio pelo GLORIOSO!

Ele foi aquilo que os “lagartos” fizeram no nosso Estádio da Luz! Ele foi aquilo que têm feito à nossa equipa de futebol a partir do momento que ganhámos 5 pontos de vantagem sobre a “corrupção”! O que fizeram ao Benfiquista assumido João Gobern na RTP! Aquilo que têm feito na última semana às Casas do Benfica espalhadas pelo nosso país (ontem mais uma vandalizada em Coimbra, depois de na passada semana as correrem quase a todas no Algarve)! Os jogos que os adversários do clube da fruta têm feito quando jogam contra os corruptos…, chegando ao ponto da tristeza que assistimos no jogo com a equipa B, mesmo sabendo que se ganhassem passavam para primeiro lugar…! Vergonhoso! Jogos treino atrás de jogos treino! Hoje, um “jornalista porquista” manifestou-se em directo num jornal da TVI, como sendo “…, do sporting até às pontas do cabelo, a sério sou…” no dia de hoje, quando pensava estar em “off”…! Os comentários dos “subalternos da fruta” seja qual for o canal em que sejam transmitidos os jogos do BENFICA, são uma vergonha para a verdade desportiva, e para o verdadeiro jornalismo! São tantos e tantos acontecimentos, que se está a chegar a um ponto que não me lembro de assistir a tanta raiva, inveja e ódio pelo BENFICA! Mas tem uma explicação! SOMOS OS MAIORES e TODOS O SABEM!…, por muito que lhes custe! E é isso que nos tem que tornar ainda mais fortes e unidos em prol do clube!

Apenas peço uma coisa para hoje independentemente do desfecho do jogo! Unam-se à volta do CLUBE! Não dêem a ninguém motivos para nos apontarem o que quer que seja! Gritem apenas pelo nosso CLUBE e deixem os outros…! Não façam o mesmo que os incendiários fizeram no nosso Estádio, porque dessa maneira estamos a equiparar-mo-nos a eles, e nós somos muito superiores! Eles não querem ganhar! Querem apenas que o BENFICA não ganhe, e isso chega-lhes! E quando digo “eles”, refiro-me a TODOS, não só aos de hoje…!

Comemoram as nossas derrotas, ou melhor, as nossas não vitórias, como se de um título se tratasse para eles…, e sem dúvida, isso só nos ENGRADECE!!!

FAÇAMOS JUS AO NOSSO LEMA!!! HOJE E SEMPRE…

BENFICA!!! BENFICA!!! BENFICA!!!

zporteng: Mentira, trafulhas e frustração!

Acabamos de descobrir um suposto comunicado dos NN Boys para a visita aos asquerosos e frustrados que constantemente lançam rumores acerca do BENFICA, seus jogadores e adeptos.

É mais uma dos seus nojentos rumores (tal como o fazem com clubes estrangeiros e depois os atacam cobardemente enquanto estes estão a sair dos autocarros) contra o BENFICA ou alguém ligado ao mesmo.

Gentes deste clubeco sempre o fizeram desde a sua fundação, foi com os campos, com os jogadores, com árbitros, com PIDE, Salazar, passando pela treta do roubo do Eusébio.

Estes Marretas, acrescentam ainda que nada fizeram no Estádio da Luz (foram os bombeiros que atearam fogo e que se agrediram a eles próprios?), apenas foram enfiados numa jaula (jaula? Realmente precisavam duma), a dita jaula faz parte do regulamento e nunca os vi dizer durante estes anos todos que têm sido enfiados em jaulas em Itália e noutros países.

In Blog Opinião Leão

O que acabamos de ver é o habitual vindo daquela parte e normalmente sempre perto dum dérbi.

Vários membros do NN já desmentiram este comunicado (a César o que é de César) e mais uma vez fizeram saber que nos NN não existe net!

Meus amigos o futebol não é ódio nem violência por isso não incentivem aos mesmo seja directamente ou através de rumores e mentiras.

Paz e amor!

Os meninos andam em jaulas desde 2001 (quem mete jaulas com animais lá dentro? Já sabemos que aquilo é um circo, mas não precisam de ir pedir leões para os enjaularem ainda mais).

Não me venham com a do “timing da jaula” pois não era com claques do Setúbal, Marítimo, etç… (que não são consideradas nem violentas, nem perigosas) que se ia estrear a dita.

Foto de 2009/10

Vejam só, até para dizerem que querem ser campeões vão buscar os festejos de mais um titulo do BENFICA e mudam a cor (da ultima vez que foram campeões nem existia ali um ou dois edifícios que estão nesta foto).

P.S. – Depois de algumas pessoas comentarem neste mesmo blog, acrescentaram o seguinte:

“como podem ler nos comentários deste post, algumas pessoas já vieram dizer que esse comunicado é falso, e esperemos que seja, pois não ajudaria de maneira nenhuma o futebol”

Ora se assim é, então porque lançaram o rumor, se assim o é porque não retiraram este mesmo rumor do blog?

Este “derby” devia ser sempre uma festa (tal como todos os jogos)!!!

Sobre o jogo com o Sporting!

Devo avisar que serei sectário, faccioso, inflexível e duro neste meu débil empenho em afirmar a minha indiferença  pela actual comunidade do clube do Lumiar.

A minha paciência paternal para com este clube terminou a partir do dia em que Zé Bettencourt  a saltar já como presidente eleito ao lado de Dias Ferreira e a gritar um cântico insultuoso para com o Benfica. Nesse dia lembrei-me da nossa complacência. Como saberão quem me é mais próximo, nesta coisa das rivalidades sabem como funciona o meu benfiquismo. E assim me manterei até ver que este Clube volta a pensar e a agir por si próprio.

Como para mim, o FC Porto é uma invenção relativamente recente. Tenho-os unicamente como pretendentes às provas que disputamos. Tal como tinha o Marselha e o Bernard Tapie, entretanto preso ou também a Juventus e Luciano Moggi igualmente enclausurado ou ainda o Steua de Bucareste e o seu Gigi Becali, igualmente preso. Porto, não gosto deles é certo, mas não me aborrecem, não lhes reconheço metade dos  “títulos”. O que não invalida como é obvio que lhes mantenha marcação cerrada pelos motivos mais que conhecidos.

Estamos mais que habituado às atoardas prontamente acolhidas e abençoadas pelos seus Bispos, sabujos, subalternos e fiéis ao “Santo Padre” da invicta.

O meu benfiquismo faz com que o rival do meu clube seja aquela colectividade que mora para lá da segunda circular para os lados do Lumiar. Aí sim, não divido nada, vai tudo à frente por igual.. As excepções são alguns amigos que escolheram passar pela vida carregando a cruz de apoiarem aquele clube, e são pessoas decentes de quem eu gosto muito, mas regra geral o adepto osga, vulgo lagarto típico é bem retratado pelo Dias Ferreira. Sempre que penso em “lagartos” surge-me de imediato na mente um campo pleno de barbados todos vestidos de talibã, cabelo untado a espumar e com uns olhos artilhados de ódio alheados ao seu próprio clube, sem sequer olharem para o relvado do seu campo, apenas interessados no que se passa do lado de cá de Lisboa do outro lado da segunda circular. Eis como vejo o típico lagarto. Exemplo desta imagem é o facto da maioria lagarta ter na personagem Dias Ferreira um excelente talibã nos mais que previsíveis pretensos ataques ao Sport Lisboa e Benfica.

Como não gosto mesmo nada de me andar a irritar com este assunto, lido com este meu assomo  ao clube do avozinho pura e simplesmente ignorando-os e procurando esquecer que existem. Início de época, procuro não saber nada sobre eles. Não vejo os jogos deles, não quero saber se foram roubados ou beneficiados, não vejo resumos dos seus jogos, quando surge algo sobre lagartos na imprensa escrita de imediato passo à frente as páginas que lhes dizem respeito. O que matenho à linha de vista  sempre é o que provém da“Santa-Aliança” Roquete+Pinto da Costa seguida por todos os que lhe sucederam, excepção feita a Dias da Cunha. Por isso ao ver alguém ligado a esse clube a ser entrevistado na televisão vou continuar a mudar de canal. Espero assim conseguir manter-me afastado de assuntos Osgó-lagartianos.

Apenas se torna impossível de atingir este objectivo pelo menos durante duas semanas por ano, altura em que o Benfica tem que jogar com eles. Sinto este mau estar nestes últimos dias por saber que lá teremos que jogar com eles na próxima segunda-feira  dia 9.  Tempos houve que era de facto o Dérby (Derby por serem da mesma cidade) tempos houve que além de Derby era o principal Clássico do Futebol em Portugal.

Mas a pior de todas as semanas, é esta mesmo. Bolas para isto, lá estou eu de novo nesta fase final da pior semana do ano.Não tenho hipótese: vou ter que ver aquelas camisolas ao lado dos nossos mantos sagrados.  Vou ter que me cruzar com aqueles adeptos que seja qual for o resultado nunca perdem, são sempre derrotados por factores extra-futebol, por detrás dos quais está sempre o Benfica a puxar os cordelinhos. São ainda aqueles que bramem mais desalmadamente um golo de um adversário do Benfica seja ele qual for, seja em que competição for, do que um golo do seu próprio clube, são aqueles que chegam ao cúmulo de desejar a derrota do seu próprio clube contra um adversário directo do Benfica, de forma a alimentarem a esperança que o Benfica não ganhe uma competição. E ainda aqueles que em qualquer jogo, em vez de puxarem pelo seu Clube dedicam a utilização das suas pobres gargantas a insultar o Benfica.. Recordo-me de algures no tempo, ir ao antigo estádio de Alvalade (quando o Benfica lá ia jogar) com um familiar e de me dar a volta ao estômago quando, a meio do jogo, se começava a ouvir uma espécie de balido vindo lá debaixo da pala: ‘Cepór… tém! Cepór… tém!’. Assim mesmo, dito num ritmo muito lento, como se tivessem que tomar fôlego entre as duas sílabas. Aquilo não chegava a ser um grito de incentivo, ouvia aquilo e imaginava uma multidão de mitras empoeiradas que de repente, numa espécie de dor compulsiva a soltar aquele som, aquela espécie de lamento que na sua própria entoação encerrava toda a desgraça e tristeza que era ser adepto daquele clube, e entre as duas sílabas tivessem que tomar fôlego para evitarem desfalecer. Normalmente um lançamento perto da nossa área ou dois pontapés de canto seguidos eram a fagulha que provocava esta manifestação de fervor sportem…guista. ‘Cepór… tém!’ – lastimava-se o povo, no meio de uma nuvem de poeira e traças entretanto levantada pelos seus adeptos. Depois se o árbitro marcava um lançamento ao contrário, soltava-se um prolongado ganir sofrido, como se Moisés tivesse despejado sobre eles toda a sua ira sob a forma de pragas de proporções bíblicas. Desde pequeno que a palavra ‘Ceportém’ criava na minha mente imagens cinzentas, cheias de bafio e poeira e gente velha com fatiotas escuras a cheirar a éter. O Benfica e o vermelho pelo contrário faziam-me pensar em alegria, emoção, paixão e gente entusiasmada. Até na forma como os golos são festejados os adeptos são diferentes. Um ‘Golo!’ gritado por adeptos do Benfica é diferente de um ‘Golo!’ gritado por adeptos do Campo Grande. O nosso ‘Golo!’ é um golo alegre, o Benfica marca golos, e os outros sofrem, porque nós somos mais fortes. Isto é o que é natural. O ‘Golo! ‘ deles encerra algo de velório, estranheza e desespero. Até a história da formação da agremiação de Alvalade é ridícula, nascidos que foram de uma birra entre queques chateados por não se organizarem mais bailaricos no Campo Grande Football Clube, e amuados por não terem sido convidados para um piquenique. Lá foram pedir dinheiro ao avozinho de um dos queques e lá fizeram o seu clubezeco privado. Eis a explicação da tara que são um clube ‘diferente’. Ó confraria produzida em série em camarins bolorentos e empoeirados, e cada um deles parecendo fazer parte de uma qualquer confraria de agentes funerários. Todos com palas que apenas lhes permitem olharem na direcção do Estádio da Luz, e constantemente observar e comentar o que por lá se passa. São capazes de estar a ser violentados a sangue frio por um qualquer padrinho e respectivos comparsas mais a norte, que entre duas bordoadas ainda arranjam tempo para erguer uma mão ensanguentada, apontar um dedo na direcção da Luz. Tudo isto piorou com a subserviência a que submeteram às ordens do FC Porto.  Eu não consigo apreciar os jogos do Benfica contra o clube do Lumiar. Para mim são uma experiência horrível, o culminar de uma semana em que apanho uma dose de clube do avozinho é superior ao acumulado do resto da época toda.. Eis a minha resposta aos que me vêm com histórias de que eu deveria era considerar o FC Porto como o nosso grande rival, não fazem ideia do que falam. Esses estão identificados, são um fenómeno recente que devido a corrupção estão a ter direito ao seu tempo de fama. O Clube do Campo Grande desde os motivos que motivaram o seu nascimento que ao abrigo de um epíteto de eterno segundo clube de Portugal beneficiam do nosso beneplácito.

Que a imagem do seu presidente ao lado de Dias ferreira a berrar a plenos pulmões impropérios para com o Benfica faça com que a imagem de “coitadinhos” termine de vez. Segunda há Derby? Quero lá saber, quero sim vencer e ter bem presente, assim como espero que a nossa Equipa o tenha também que uma vez mais o clube do avozinho terá neste jogo o motivo da sua existência, tentar ganhar ao Benfica. Afinal é o seu campeonato…