Tagged: Liga de Clubes

Recurso a árbitros estrangeiros nos campeonatos profissionais

A Assembleia Geral extraordinária da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) aprovou ontem o recurso a árbitros estrangeiros nos campeonatos profissionais, ratificando a proposta da Liga de Clubes.

Diz a proposta agora aprovada… «Podem igualmente arbitrar competições organizadas pela Liga os árbitros e árbitros assistentes inscritos em federações estrangeiras com as quais a FPF estabeleça contrato tendo por objecto o intercâmbio de serviços em condições de paridade que possuam categoria equivalente às referidas.»

Espero para ver na prática esta medida concretizada.
O mais incrível é o facto deste assunto ter sido praticamente abafado na imprensa… 

A ver vamos

Quem faz as regras do Futebol?

ImagemParece que todos os que se coloquem na frente do Jorge Nuno Pinto da Costa, têm problemas com a justiça e pior, quem dita as regras é este senhor.

Existe um clima de medo no futebol, até aqui todos o sabem, os Donos do Futebol Português estão identificados, e são eles que decidem tudo e todos, e ninguém faz nada pela verdade desportiva.

Mas o pior mesmo, é que quem faz as regras para que isto aconteça, são as mesmas pessoas que mais tarde vão ser acusadas. Ou seja, eu sei onde está o buraco na legislação, logo sei como hei-de furar as regras, isto custa-me saber, não existe justiça em Portugal, todos o sabem, mas se ficarmos parados a assobiar para o lado e nem esboçar um simples protesto, é como ser roubado e nem fazer uma participação. Estamos a promover que os assaltos se continuem a fazer, é sinal que preferimos as coisas como elas estão.

Uma das criticas que faço aos Benfiquistas, é que somos muitos e estamos sempre à espera que sejam os outros a fazer qualquer coisa por nós, ou que seja a direcção a manifestar-se, eu digo que não pode ser assim, não devemos esperar sempre pelos outros, não devemos ficar calados, não devemos deixar que nos roubem e não fazer nada. Sou totalmente contra a violência, mas penso que um dia isto vai acabar numa guerra campal, prevejo que um dia os Benfiquistas que só sabem criticar os seus, deixem-se disso e se manifestem, como já o deviam ter feito, e vão para a luta. Somos muitos e quando assim o é existem diferentes opiniões, uns são contra os Corruptos e pensam que é aí que está o problema, outros são contra a equipa e pensam que deviam ser imunes à Corrupção, outros pensam que são treinadores e são contra todas as alterações efectuadas por qualquer que seja o treinador, outros são contra a direcção do clube, pois devia ter contratado este ou aquele jogador, devia dizer o que eles pensam que seria o adequado, não deviam ter este treinador, ou está a roubar o clube, outros são mesmo do contra TUDO. Pois é, e que tal se juntarem todos e se manifestarem contra quem nos rouba??? Eu penso que era o ideal, mas sei que alguns estão logo a dizer, eles é que ganham o dinheiro e eu tenho que fazer alguma coisa??? Nem pensar…dizem alguns…

Sabem porque é que clubes regionais ganham campeonatos??? É porque são capazes de se mobilizar em pro de uma causa, no caso desses clubes, a causa é tentar manipular tudo e todos nos bastidores do futebol, e aí

vale tudo, ameaças, chantagem e mesmo violência. E nós??? A olhar e a vê-los passar…sou contra a utilização dos mesmos métodos, mas existem muitas outras ferramentas que se podem utilizar para combater tudo que está instalado, só que não é sentados no sofá que isto se resolve.

Sabemos que em todas as modalidades podemos ganhar sempre e quando as regras sejam iguais para todos…por isso meus caros leitores não deixem de apoiar a nossas equipas e se for necessário um manifestação já sabem todos para a rua, vamos para Portugal.

Hoje em dia, sabemos que o Pinto da Costa, está a colocar pessoas da sua confiança a dirigir clubes do meio da tabela, isto é uma estratégia que já tem vindo a ser costume, são eles directores desportivos ou treinadores, antigamente eram só jogadores ás dezenas, mas agora evoluíram  para outra fase. Mas nós não podemos ficar calados a ver isto acontecer, a meu ver devemos manifestar-nos, e ai agradeço sugestões e deixem os vossos comentários com sugestões de protestos, o BENFICA POWER agradece.

Um outro problema, é o facto que a Direção do FC Porto apresentou junto do Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) uma participação disciplinar que tem o Marítimo como alvo. Isto é como um ladrão ir à Policia acusar um outro de lhe ter roubado o que ele já tinha roubado, complicado??? Mas é simples, eu posso fazer uma coisa, mas tu como és mais pequeno não o podes fazer, perceberam??? Isto devesse, ao «caso» Kléber que surgiu em maio de 2011, na sequência do Marítimo ter alegado que o FC Porto aliciou o avançado brasileiro. É de rir, mas o FCP, alega o artigo 64., «o clube que submeta aos tribunais comuns a apreciação de decisões ou deliberações de órgãos da estrutura desportiva sobre questões estritamente desportivas será punido com pena de baixa de divisão». Ou seja, o FC Porto pode fazer o que quiser e os outros não podem se queixar, pois se o fizerem sujeitam-se a descer de divisão. Quem faz a leis sabe muito bem o que está a fazer. O futebol em Portugal é uma Real Comédia e nós a ver!!!

Haja alguém que faça um 25 de Abril no futebol, eu agradeço…isto dá-me nojo todos os dias…

Benfica pode impugnar a Liga Fruta Proença

Imagem“Qualquer equipa pode impugnar o campeonato”

Caso se comprove negligência por parte da Liga, “qualquer clube pode impugnar o campeonato”, de acordo com Pedro Miguel Branco, advogado especialista em direito de desporto profissional. Ainda assim, em relação às alterações na classificação, só poderão ser anulados os resultados 29 dias.

Com a desistência da U. Leiria no campeonato, deve haver mexidas na actual classificação, a duas jornadas do final.

Pedro Miguel Branco, advogado com pós-graduação em direito de desporto profissional, considera que as equipas que lutam pelas diferentes frentes do campeonato têm legitimidade para impugnar a classificação final do campeonato, porque a Liga de Clubes poderá ter responsabilidade por negligência: “A Liga de Clubes poderá ter aqui uma responsabilidade, principalmente tendo em conta que os factos são públicos. Comprovando-se que existe negligência por parte da Liga ao permitir que um clube incumpridor com salários de jogadores continue a competir, prejudicando a verdade desportiva e os outros clubes, pode levar a que seja impugnada a classificação no campeonato.”

Na opinião do advogado, qualquer equipa pode impugnar o campeonato, “seja os que desçam ou os que não tenham acesso a uma determinada posição que lhes permita aceder a uma competição europeia, ou até mesmo em relação ao campeão nacional”.

Miguel Branco explica que “o absurdo da situação é que, caso um clube não pague as multas à Liga, a Liga pode impedir esse clube de competir. Em relação aos salários, a Liga já não se intromete”.

“Só poderão ser anulados os resultados dos últimos 29 dias”

Há especialistas em direito desportivo que defendem a anulação de todos os jogos dos leirienses na prova e há quem defenda a anulação apenas dos resultados dos últimos 30 dias. Pedro Miguel Branco manifesta a sua opinião, baseada no que será “mais favorável aos clubes e à verdade desportiva”: “O artigo 17 prevê que só poderão ser anulados os resultados das competições dos últimos 29 dias, porque ao trigésimo dia o seu resultado considera-se tacitamente homolgado.”

Neste caso, só seriam anuladas as derrotas da U. Leiria com o V. Guimarães e com o Feirense. in rr.pt

A Final da Taça da Liga

Este sábado em Coimbra, o BENFICA disputa na 5ª edição da Taça da Liga, a sua quarta final consecutiva com o Gil Vicente, tendo ganho as anteriores três finais onde esteve presente!

Uns chamam-lhe a Taça da Carica, outros a Taça da Cerveja, outros a Taça Lucílio, e outros nem lhe chamam nada, porque diga-se de passagem, nunca “beberam por ela”! É claro e todos sabemos que não é de Taças da Liga que se faz a história de um clube (também…, mas repito…, não só…), nem tão pouco são as Taças da Liga que justificam supostos “fracassos” noutras competições, mas uma coisa é certa…, todos lá querem e queriam estar! E essa desvalorização feita gratuitamente por quem nunca a ganhou, é sinónimo, mais uma vez de “mesquinhez desportiva”!

Provavelmente, e este meu artigo vai também nesse sentido, preparem-se para o que de anormal possa ocorrer nesse jogo…! E não, não me refiro a prejuízos a que o BENFICA possa ser sujeito (como tem sido hábito), mas sim o contrário! E para quê?…, Lá está…, mais uma vez para desvalorizar aquilo que só BENFICA e Setúbal ainda ganharam, e ainda, para poderem dizer que só assim é que conseguimos ganhar alguma coisa! E aqui é a parte onde aparecem os “ressabiados” por causa do Lucílio! Mas a esses digo: Caríssimos, nós ao contrário de muitos não queremos benefícios…, queremos igualdade de tratamento relativamente a todos (seja Sporting, Porto, Paços de Ferreira, Gil Vicente, ou quem quer que seja…)! Não temos orgulho quando somos beneficiados, nem pouco mais ou menos! Temos orgulho em ganhar! Claro que sim…, mas por mérito próprio! Eu sei que “mérito próprio” é um termo que muita gente está neste momento a abrir outro separador no Google, para ver o que significa…, mas quer dizer isso mesmo…, MÉRITO PRÓPRIO! E não se espantem que algo de anormal possa surgir neste jogo a nosso favor, mesmo que desnecessário e completamente disparatado, pois está visto que de uma competição organizada pela Liga, se pode esperar de tudo…, tudo mesmo! Competições organizadas pela Liga de Clubes, para mim é o equivalente àqueles teatros com fantoches, em que os bonecos são mexidos por cordelinhos! A Liga anda lá muito perto.., só que os “fantoches” da Liga são providos de apitos, bandeirolas e auriculares…! …, e isto sem querer faltar ao respeito aos verdadeiros fantoches!

O teatro no nosso campeonato foi montado da maneira a que todos temos vindo a assistir, e nada mais oportuno do que uma Final a quem “ninguém liga”, e onde por “coincidência” está o BENFICA, para tentar inverter papéis quanto àquilo que se tem vergonhosamente passado no nosso campeonato…

Quanto a esta Taça que ninguém quer, ou toda a gente desvaloriza, convém lembrar que é disputada por 32 clubes! Sim…, 32!!! Os clubes dos dois escalões máximos do nosso Futebol! Não é só disputada por 2 clubes, num único jogo!!!

Já que ninguém a quer..., venha de lá a QUARTA CONSECUTIVA!!!

Nota final: E para os “ressabiados” do Lucílio e que tão bem de finanças andam, fica a seguinte informação que tem apenas como base o aspecto financeiro e não o mérito desportivo!  E não se trata de comparações…, apenas e apenas de uma constatação! Que fique claro!

Presença na meia final da Liga Europa = 700 mil euros
Presença na final da Taça da Liga = 800 mil euros

Espero sinceramente que esta notícia seja verdadeira…

Segundo o jornal abosta de hoje, a Federação Portuguesa de Futebol,  (FPF) prepara-se para chumbar o alargamento da Primeira Liga para 18 clubes, baseando-se principalmente no facto de a decisão da Liga violar a integridade da competição.

Muito sinceramente espero que esta notícia seja verdadeira, pelo menos nos moldes em que o vergonhoso alargamento foi aprovado na Assembleia-geral da Liga de Clubes, da passada terça-feira, onde foi decidido o alargamento sem descida de divisão dos últimos classificados. De facto mais um atentado à verdade desportiva e à idoneidade das restantes oito jornadas que faltam disputar até ao fim da competição, onde com toda a certeza tudo iria valer…, se já agora vale, imagino se não descesse nenhum clube!

Esperemos que a FPF cumpra, e não se deixe ir na cantiga…

Leia também: De mal a pior!

De mal a pior!

O alargamento do campeonato principal a 18 equipas, sem descidas da Primeira Liga, foi aprovado esta segunda-feira em Assembleia-Geral extraordinária da Liga, com 31 votos a favor (9 da I Liga e 13 da II Liga), 15 contra (6 da I Liga e 3 da II Liga) e 2 abstenções (1 da I Liga).

Desculpem, mas na minha modesta opinião isto é uma decisão arcaica! Pergunto: O que vai levar os clubes do fundo da tabela e que lutam pela “suposta” manutenção a darem o tudo por tudo nos jogos que faltam disputar, se sabem à partida que mesmo perdendo quinze a zero, todos os 8 jogos que faltam disputar, se mantêm no escalão profissional? Isto para mim é VERGONHOSO!!!

Sem dúvida que só mesmo quem não quiser perceber, vê que o melhor modelo para o alargamento a 18 equipas da Primeira Liga, seria um mini-campeonato entre os 2 últimos clubes da Primeira Liga e os terceiro e quarto classificados da Liga Orangina! É assim tão difícil a algumas mentes iluminadas perceber isto? Em último caso, desciam os 2 últimos da Primeira Liga e subiam 4 clubes da Liga Orangina. Isso sim seria muito mais justo! Agora não descer ninguém do escalão principal, é algo quase terceiro mundista! Estão-se a premiar os piores, quando quem deveria ser premiado, seriam os melhores…, Que explicação dão estes senhores para uma decisão destas? E escrevo isto sem sequer saber qual a posição dos meus clubes (Benfica e Sporting da Covilhã)! Mas não será isso que me fará mudar de opinião!

É só mais uma no meio de tantas, do nosso futebolzinho cada vez mais podre!!!…

Palmas!!!…, em pé!