Tagged: A Bola

Porque a Liga Portuguesa é medíocre.

A Liga Portuguesa é medíocre !

Por causa do nível das Equipas? Sim, também…
Pela ausência de individualidades que chamem público e atenção fora de Portugal? Sim também…

E de quem dela vive, agentes desportivos e Media? Sem dúvida, também !

Nada, mas mesmo nada nos move contra (ou a favor) de José Manuel Delgado, mas este texto é o melhor exemplo a dar a quem esteja interessado em pegar pela raiz do problema da nossa Liga ser medíocre.

pickerimage

 

José Manuel Delgado, muito mais do que nós, pela idade e acima de tudo por ter sido alguém que viveu por dentro a realidade do futebol português da últimas 3 décadas sabe o que nós sabemos que todos sabem, e consegue dizer isto:
O Dragão”mais as Antas não? “era uma fortaleza quase inexpugnável” e porque o era José Manuel Delgado? “e os jogadores do FC Porto mostravam em campo”sem dúvida, ali as leis eram diferentes em entendimento e na prática, era normal e legal um GR defender fora da área “que compreendiam a história do clube”como??? qual história? 7 campeonatos em 6 décadas? 8 segundo a tal história à FCP – “e cultura pedrotiana” – ...sim, convinha era dizer em que consistia essa tal cultura… o pedido ao Presidente do Sporting para que aceitasse ser treinador em Alvalade incluía um valor destinado a árbitros, caso contrário não aceitava o convite, esta era a sua cultura à que somava o ódio ao adversário numa competição desportiva, esta era a sua cultura, convinha ser explicada ás novas gerações.

0001

 

…”falta alma guerreira ao FC Porto” – impunidade aos vários Paulinhos Santos, João Pintos, Fernandos Coutos, Brunos Alves… eis a alma guerreira e cultura pedrotiana – “...e os adversários não vivem o sufoco do passado..”

0002
“Rodolfo Reis, João Pinto, Jorge Costa, Paulinho Santos podem dar-lhe lições”Não podia estar mais de acordo…convinha era dizer o porquê de poderem dar essas lições e para quê.

0003

 

A Liga Portuguesa é medíocre,… valha-lhe o Sport Lisboa e Benfica para ainda lhe dar alguma visibilidade.

 

Anúncios

O “discurso da Cegueira” de Rui Moreira

Rui Moreira, “está de volta” ao que mais admiro.O antigo membro do Conselho Superior do FC Porto, empresário, presidente da Associação Comercial do Porto e ex comentador da RTP, teve hoje mais uma das suas brilhantes tiradas a fazer lembrar o desespero do famoso pároco Dom Camillo. Dom Camillo no seu Pequeno mundo, furioso com Dom Peppone (Vitor Pereira será)  no seu desanimo após tanta frustação do seu porto a jogar como se sabe, acaba por…. apenas falar do Benfica.

Diverte-me é um facto, ao menos isso, mas continua por explicar a recôndia razão pela qual Rui Moreira na sua coluna de opinião no Jornal A Bola utilize o seu espaço para se dedicar permanentemente a dissertar sobre o Benfica?

Numa semana em que e cito o que vem escrito pela imprensa afecta ao clube corrupto “adeptos e notáveis” pedem que o seu treinador vá dissertar “bloqueios” para outra freguesia que não a de Contumil, este “notável” vem falar do seu Clube? Não! Como sempre vem dedicar 90% do seu texto ao Sport Lisboa e Benfica e 10% aos árbitros, sim leram bem aos árbitros. Sugestão: Assistam ao vivo ao Coro de Contumil, semanalmente à sexta-feira na casa da Música.

Nota: Assim sendo, pelo silêncio ficamos a saber que no Focul Corrupto não existem adeptos notáveis. Nem notáveis adeptos…. Em frente que esse problema não é meu.

Do que falou Rui Moreira? Cito “Jesus e Vieira fazem-se pequenos quando deveriam salientar o denodo da equipa…” Apenas mais uma citação deste “Notável” “…Depois os Benfiquistas entraram em delírio. Jesus e Vieira queixaram-se da arbitragem...” Fim de citação.

Rui Moreira, no mesmo jornal onde semanalmente faz questão de nos tornar ainda mais fortes, consulte por favor a página 20… Afirmações sobre a arbitragem de Stamford Bridge, apenas de um? Não!  Logo de cinco marcos da Imprensa Mundial: The Independent, MARCA, LA Gazzetta dello Sport, O Globo, L´Équipe… Estão todos a delirar certo?

Como diz hoje e muito bem Sílvio Cervan, “Não me satisfazem as vitórias morais, mas não gosto de derrotas imorais”.  Concordo em pleno, por isso, seja, dou isso de barato porque e neste caso de vitórias imorais o clube deste “Notável” é especialista.

Notas finais sobre Rui Moreira:

1ª O que nunca mas nunca ligará a bota com a  perdigota é ver/ler um adepto de tal clube falar de arbitragem. Talvez, quando vos vir serem prejudicados durante 30 anos, então ao 31º talvez vos leve a sério….

2ª Ao falar de Duarte Gomes, para Alvalade ou para a Pedreira, concerteza que se esqueceu que esse senhor nos tirou um título em 2000 em pleno Estadio da Luz. Seria sobre esse Duarte Gomes que estava a falar?

3ª Continua a ser motivo de orgulho um indefectível portista usar aquele espaço para permanentemente falar sobre o Benfica. O que a nossa grandeza o obriga… Obrigado por nos tornar mais fortes.

Isto de Rui Moreira é paixão, obesessão. O homem não esconde o seu amor pelo Glorioso. Vive, respira e sonha com o Benfica.

Não me espanta, dá a voz ao “Santo Padre da Invicta” cuja maior frustação é precisamente a mesma.

Caro Rui Moreira, compreendemos a paixão, mas o Benfica não precisa de mais publicidade. Por isso…

…assim que possível fale do seu porto.