Category: Liga Portuguesa

Porque a Liga Portuguesa é medíocre.

A Liga Portuguesa é medíocre !

Por causa do nível das Equipas? Sim, também…
Pela ausência de individualidades que chamem público e atenção fora de Portugal? Sim também…

E de quem dela vive, agentes desportivos e Media? Sem dúvida, também !

Nada, mas mesmo nada nos move contra (ou a favor) de José Manuel Delgado, mas este texto é o melhor exemplo a dar a quem esteja interessado em pegar pela raiz do problema da nossa Liga ser medíocre.

pickerimage

 

José Manuel Delgado, muito mais do que nós, pela idade e acima de tudo por ter sido alguém que viveu por dentro a realidade do futebol português da últimas 3 décadas sabe o que nós sabemos que todos sabem, e consegue dizer isto:
O Dragão”mais as Antas não? “era uma fortaleza quase inexpugnável” e porque o era José Manuel Delgado? “e os jogadores do FC Porto mostravam em campo”sem dúvida, ali as leis eram diferentes em entendimento e na prática, era normal e legal um GR defender fora da área “que compreendiam a história do clube”como??? qual história? 7 campeonatos em 6 décadas? 8 segundo a tal história à FCP – “e cultura pedrotiana” – ...sim, convinha era dizer em que consistia essa tal cultura… o pedido ao Presidente do Sporting para que aceitasse ser treinador em Alvalade incluía um valor destinado a árbitros, caso contrário não aceitava o convite, esta era a sua cultura à que somava o ódio ao adversário numa competição desportiva, esta era a sua cultura, convinha ser explicada ás novas gerações.

0001

 

…”falta alma guerreira ao FC Porto” – impunidade aos vários Paulinhos Santos, João Pintos, Fernandos Coutos, Brunos Alves… eis a alma guerreira e cultura pedrotiana – “...e os adversários não vivem o sufoco do passado..”

0002
“Rodolfo Reis, João Pinto, Jorge Costa, Paulinho Santos podem dar-lhe lições”Não podia estar mais de acordo…convinha era dizer o porquê de poderem dar essas lições e para quê.

0003

 

A Liga Portuguesa é medíocre,… valha-lhe o Sport Lisboa e Benfica para ainda lhe dar alguma visibilidade.

 

Dominar no campo falhar nas estatísticas

Em qualquer processo que se repete, a padronização e utilização de factores estatísticos na análise e antecipação de modelos de falha, e seu impacto sobre o esse processo, é sempre a melhor fórmula para quem gere seja que sistema for. O futebol não foge à regra. Ao se se assegurar o controle das causas fundamentais identificadas para cada motivo de falha, conseguimos sempre desta forma minimizar o seu impacto sobre o funcionamento de um qualquer sistema eliminando as razões de perdas anteriores.

sports_nba_basketball_michael_jordan_selective_coloring_chicago_bulls_1920x1200

Matemática e estatística movem o mundo mas não estão imunes a um qualquer Pedro Proença desta vida que invente um penalty ao Yebda. Um qualquer ambiente tão característico como o campo onde o SL Benfica vai jogar amanhã fazem ser inúteis mesmo as mais precisas previsões

O que fazer então? Dominar em campo e falhar nas estatísticas!!! Simplicidade de processos ! Alegria a jogar ! Aproveitar até à exaustão o estado anímico de raiva, pressão e ódio do adversário de forma que funcione precisamente contra si próprio.  Nesse campo em Contumil nem Einstein conseguiria uma aproximação correcta ao que por ali é possível acontecer.

E o que nos diz a eestatísticasobre a presença do Benfica em tal campo sempre inclinado. Diz que temos 60% de hipótese de derrota, 20% de empate e 20% de hipótese de vencer.

Jorge Jesus, mais que táctica e estudos sobre o adversário, simplesmente deixa que o Tango se ouça livremente, controla o samba que o fado vai estar em minoria.

Vamos a factos, na Liga, o Porto venceu 10 dos seus  11 jogos em casa? Sim venceu. Contra quem? Pois… O Porto nos dois únicos jogos de dificuldade média/alta falhou. O Benfica tem o melhor ataque e a melhor performance a jogar fora entre todas as Equipas da Liga. E é esta Equipa que vai entrar no relvado de Contumil. O Benfica venceu 16 dos seus últimos 19 jogos que fez fora de portas. Este dado garantidamente vale mais do que um somatório de vitórias na liga, algumas sofridas sobre Boavistas. O Benfica chegou ao intervalo e ao final dos 90 minutos a vencer em  5 dos seus 6 jogos fora.

Estes dados não são muito diferentes das últimas épocas. Mas, então por que raio o Porto não é batido pelo Benfica em sua casa nos últimos 11 jogos de 12? Más abordagens ao jogo feitas pelo Benfica e sem dúvida pelo simples motivo que ali para o Porto, os seus dirigentes, adeptos e jogadores estarem formatados para uma guerrilha não um jogo de futebol. Estarem habituados que surja sempre aquele “jeitinho” que facilita sempre a “coisa”.

Jorge Jesus, a resposta para o sucesso está mais na simplicidade que na estatística e nas tácticas. Não amarres os jogadores a sistemas novos. Simplesmente deixa que aquela defesa do Porto leve com Gaitán, Sálvio, Jonas, Talisca, Enzo, etc…

Não tenhamos dúvidas, esperem o habitual. Esperem que aos 5 segundos esteja a ser mostrado um amarelo a Maxi e aos 5 minutos outro ao Enzo. Siga, deixem falar a alegria de jogar, saibam aproveitar a espuma de raiva do adversário. Ela que seja o seu próprio veneno.

Capture

Dominem no Campo, falhem na estatística. Mais que tácticas no campo trabalhem a inexistência de  “E se eu falhar?”… “Foi a bola em que senti mais pressão, estava cheio de medo de falhar. Falhem 5 vezes, 10, mas divirtam-se riam cinicamente da espuma que vão ver na boca dos listados azuis. E…simplesmente espetem com a redondinha lá dentro.

Não podia deixar de dar o meu toque de treinador de bancada. Jorge Jesus não faças a Equipa perder-se em segurar a todo o custo os laterais Danilo e Alex Sandro, deixem-nos subir até à entrada do nosso campo, aí sim, nem portagem pode existir. De resto, deixa a Equipa fazer o que sabe.

Mas quem é que acha boa ideia pagar ao Saraiva para escrever sobre futebol?

Porque o humor deve e tem de fazer parte do nosso dia a dia !

 

Capture

 

Uma possível resposta: Quando se tem um Rui Santos a falar sobre futebol, a tua pergunta deixa de fazer sentido !

Pode o ser humano descer tão baixo? Pode ! Este é apenas um dos caminhos

Pode o género humano descer tão baixo? Pode ! Este é apenas um dos caminhos…

Existem vários caminhos para se descer ainda mais baixo. O exemplo que vos descrevo é só mais uma forma.

qqq

Desde o golpe de estado que derrubou o último Presidente do extinto Clube chamado Futebol Clube do Porto, Américo de Sá, (dando lugar a uma associação de escroques liderada por dois ex-funcionários da secção de Boxe, um deles Empresário de casas de “Fruta”), que este tipo de acções são habituais. Nada têm de novo a não ser o facto de, durante cerca de duas décadas não existirem “redes sociais” que impossibilitem que, tanto comunicação social como os líderes dessa associação, consigam esconder estas “práticas” tão comuns.

Aproveito para louvar todos os jornalistas, articulistas e companheiros de Blogs (que não apenas benfiquistas) que ao longo dos anos e apesar de ameaças de todo o género, têm tido a coragem de denunciar casos destes e outros muito piores.

Ainda assim, muito fica por contar por receio e/ou subserviência. Este caso torna-se público por um conjunto de factores que escaparam ao controlo dessa tal associação. Quis o acaso, que um árbitro, sem querer, marcasse uma inequívoca grande penalidade, totalmente fora do que a Associação de Escroques está habituada. Quis o acaso que a mesma tivesse sido cometida sobre um seu ex-jogador. Pior – o mesmo acaso fez com que esse ex jogador tivesse tido o desplante de “não ser profissional” e tivesse, com sucesso, convertido a grande penalidade. Ainda pior foi a vergonhosa atitude dos escroques ter sido presenciada e ouvida por elementos que, infelizmente para eles, não faziam parte do seu, cada vez menor, número de subservientes.

Capture

Termino com um pedido aos benfiquistas. Não odeiem esta Associação. É energia perdida desnescessariamente. Foquem-se antes na forma racional mas convicta de ajudar a limpar esta gente da sociedade portuguesa.

“Não permitam que ninguém vos faça descer tão baixo a ponto de sentirem ódio”
Martin Luther King

O que há a observar no Nacional vs SL Benfica

Capture3

A equipa do Nacional opta, muitas vezes, por utilizar um estilo de jogo mais direto. É notória a forma deliberada como a equipa despeja a bola na frente várias vezes no mesmo encontro.

Sendo uma equipa algo frágil do ponto de vista defensivo, antevê-se que não suba muito as suas linhas no processo ofensivo com o objetivo de não se desequilibrar. Assim sendo, será bastante provável que os esquemas táticos tenham bastante importância no desempenho da turma de Manuel Machado.

Marco Matias foi o jogador em grande destaque no passado jogo frente à Académica (O jogo com o porto nem tem ponta por onde se lhe pegue tal foi a passadeira estendida aos de azul). Mário Rondón é um finalizador puro e sempre que tem oportunidade tenta visar o alvo do.

Deste modo, será natural que a equipa mude radicalmente a sua forma de jogar se a compararmos à visita turistica que fez ao Estádio do Dragão. É provável que o Nacional tente retardar ao máximo o golo do Benfica e opte por jogar à espera do erro do adversário

Mário Rondón é um finalizador puro e sempre que tem oportunidade tenta visar o alvo do “inimigo”. No entanto, o avançado do Nacional tem alguma dificuldade em introduzir a bola dentro da baliza adversária.

Convocados por Manuel Machado para o jogo com o Sport Lisboa e Benfica

1 Gottardi
2 Zainadine
3 Miguel
5 Marçal
7 João Aurélio
8 Ayala
9 Suk
11 Camacho
12 Rui Silva
17 Boubacar
18 Lucas
21 Rondon
22 Campos
28 Willyan
55 Sequeira
66 Aly Ghazal
68 Edgar Abreu
77 Marco Matias

O Nacional x Benfica tem início marcado para as 16 horas, no Estádio da Madeira, com arbitragem de Bruno Paixão.

Capture

O cenário mais provável para este desafio será a vitória do Benfica e a ocorrência de poucos golos. Adivinha-se que a Equipa do Benfica entre neste embate com a máxima força logo desde cedo, ou seja, será algo provável que a defensiva do Nacional seja surpreendida logo nos primeiros minutos. Algo que tem vindo a ser uma das chaves de sucesso do SLB na Choupana.

Nos últimos 6 desafios, a turma de Manuel Machado apenas chegou uma vez à vitória. Desta forma, ocupa o 13º posto na tabela classificativa com 8 pontos.

O Benfica está posicionado no cimo da tabela com o fcp  a 1 ponto e o V. Guimarães na nossa frente igualmente por um ponto ainda que à condição.

O confronto direto entre os dois emblemas favorece, nitidamente, a formação do Benfica. Nos últimos 8 desafios, o Benfica triunfou por 7 vezes.

 

Análise do Benfica

Na frente é habitual alinharem Talisca e Lima. Os avançados oferecem ao seu conjunto muita velocidade e mobilidade na frente de ataque.Apesar da equipa do Nacional ser bastante inferior ao Benfica, é necessário ter em conta a forma como a formação caseira pode aproveitar as lacunas defensivas do lado esquerdo ou algum erro. Este será acima de tudo o objectivo do nosso adversário de amanhã.Para este desafio é possível que o Benfica entre motivado com a vitória suada frente ao Mónaco na última jornada da Liga dos Campeões. Ou seja, antevê-se que o Benfica crie muitas situações de perigo e consiga visar com êxito a baliza do adversário. Assim se espera.Factores que podem baralhar toda esta análise, Paixão e Nevoeiro. Curioso como ambos andam de mãos dadas. Paixão, árbitro muito fraco é capaz de “destruir” um jogo com as suas divagações e isso favorece o Nacional. Por outro lado, o que habitualmente constitui a principal táctica de quem joga contra o Benfica, o “canela até ao pescoço…” habitualmente Paixão responde sem caseirismos (até se perder…).

 

Nem um Homem, quanto mais um bebé chorão

Ó Sérgio, a malta até já tinha deixado passar a situação (mas não esquecido) e ainda vens fazer figura de rufia que ladra mas não mete medo a ninguém?

A tua fama (e proveito) marcam-te para sempre. Estás no Clube indicado para a espuma de raiva puder ser vista como algo normal.

Agora, vá, vai lá acalmar, não bates lá muito bem, mas já deves ter percebido que não te atiras a ninguém, queres-te magoar? Vá sossegado ! Ladra mas não morde

Viva O R.O.S.M.E.N.G.A!! Hoje joga o Rosmenga!

É hoje o dia. É dia do regresso da I Liga à Catedral do Futebol em Portugal. É o dia em que o  Freitas Lobo vai voltar! Não CAIBO em mim de contente!!! Vai voltar… MAS LONGE  DO ESTÁDIO DA LUZ !!! O Freitas Lobo que volte a dissertar sobre táctica. O hexágono, o losango, o pepino o olhar de peixe, as entre linhas, etc… É só escolher… Enfim, vai regressar a qualidade do nosso futebol… MAS LONGE, bem longe porque na Catedral apenas entra a BenficaTV. 

Não tarda eis o que vai entrar em casa de quem mantém a Sporttv…

O silêncio em casa é quebrado pelo intervalo que passa na televisão. Entre os anúncios «Blanca, muito para além da lixívia», «Prolongue a vida da sua máquina, com Calgon» e «Actimel com bifidus activos» – que as idosas iletradas fazem questão de dizer que são iogurtes com «bifes activos» e que por isso é que alimentam muito -, ouve-se uma voz grave com uma boa rockalhada de fundo a anúnciar futebol. 

«Hoje, às 20H45, temos… Graaande Jogo!»

[Rockalhada poderosa de fundo, género clip de Nascar da Eurosport, com imagens dos «coxos» das duas equipas a fazerem fintas e com grandes planos dos rostos em sofrimento dos atletas «na raça» a cortar um lançe aos adversários, também eles «coxos»] E o apresentador, empolgado, continua: 

«Mesmo com Zé Tó e Sabugo lesionados, o Rosmenga luta por um lugar entre os três primeiros da classificação e está moralizado com a vitória frente ao Cucujães em casa. Mas o Ramaldense também tem os seus argumentos! 

O Ramaldense está tranquilo na tabela classificativa mas joga em casa e tem a sua claque – a Torcida Ramalde – a apoiar.»

Em fundo ouve-se…E quem não salta não é ramalde olé, olé; e quem não salta não é ramalde olé, olé …

O apresentador, empolgado, continua:

Desportivo Ramaldense – Sport Industrial Rosmenga. Graaande Jogo. A não perder. Hoje. Às 20h45. No seu canal. Graaande Jogo»

Apreciador de futebol que é apreciador de futebol nunca perde um bom jogo da Liga Portuguesa. Nunca perde um bom Rosmenga – Ramaldense, sobretudo se der na televisão do Quim Oliveira e para mais com colossos desta estirpe que, qualquer dia, ainda vão à Liga dos Campeões. 

O campeonato português apresenta este elevado nível de competitividade e é por isso que as mais diversas equipas de Futebol da 1ª Liga – mas é que são mesmo muito diversas – são tão reconhecidas e respeitadas no estrangeiro.

É tudo uma questão de cultura táctica.

a) Os ingleses são conhecidos pelo seu futebol flanqueado, jogado em toda a amplitude do terreno, como diria o Mestre Rui Santos, estruturado num esquema-tipo 4-4-2.

b) Os italianos são conhecidos pelo seu 5-3-2 que se transforma num 3-5-2 em contra-ataque e pelo futebol físico, como diria o Mestre Gabriel

c) Os brasileiros são conhecidos pelo elevado nível de elaboração técnica do seu futebol – como diria o Mestre Gabriel – …

d) Os nórdicos são conhecidos pelo futebol aéreo, directo e prático – como diria o … vocês sabem,… num esquema-tipo 4-5-1

«… e então e as equipas portuguesas?»,

Portugal orgulha-se de ser o único país da zona UEFA – a par da Albânia – em que a maioria das suas equipas dos campeonatos profissionais usam o esquema 8-2 (oito defesas, dois trincos). Claro que estas equipas não são tão defensivas assim. Por vezes até se desdobram num esquema 7-3 ou mesmo, muito raramente porque esta é demasiado ofensiva, num 6-4.

É a chamada Táctica Rosmenga. «E o que é em termos práticos o futebol estilo Rosmenga?» Fomos a uma Enciclopédia de Futebol investigar.

O esquema táctico R.O.S.M.E.N.G.A .designa a Retirada Obstinada, Sofrida e Manda-pá-frente-que-é-distrital do Esférico para Neutralizar o Golo e Ataques. Começou por um esquema 9-1 mas registou significativas evoluções ao longo de todo o século XX, já se praticando com frequência o 8-2 (leia-se oito defesas, dois trincos). , o 8-1-1, ou mesmo o 7-3.

Característico deste meritório estilo futebolístico são

1. Em situação defensiva:

a) as entradas por trás a pés juntos
b) as obstruções – que devem designar-se antes por placagens
c) as entradas por trás a pés juntos
d) rebolar 37 vezes depois de o guarda-redes interceptar um centro ou remate adversário, sempre com o cuidado para não sair da àrea
e) rebolar 37 vezes depois de sofrer uma falta inexistente
f) as entradas por trás a pés juntos
g) queimar tempo desde o inicio do jogo porque o 0-0 é sempre um bom resultado

2. Em situação ofensiva

a) [dados inexistentes e indisponíveis] …

Esquema 1-8-2: a Equipa Ideal

SW – Mangala
DC – Otamendi
DC – Fucile
DC – Paulinho Santos (Reforço para esta época)
DC – Fernando Couto (Transita dos Júniores)
DC – Bruno Alves (Reforço para esta época)
DCD – Josué
DCE – Costinha (transita igualmente dos Júniores)

MD– Rinaudo
MD – Defour

GR Helton [Que é o responsável pelos remates à baliza adversária]

Equipa Técnica
TREINADOR
 – Sorteio em curso, quem aparecer primero nas instalações, treinará a Equipa.

Lema da equipa:
 Não marcas um penalty à segunda tentativa, aguarda pela terceira.

Estádio: Municipal Contumil

Como vêm, o 4-4-2 e mesmo o 4-3-3 são sistema ultrapassados. Portugal e a maioria das suas equipas estão na vanguarda. Não sigamos pois exemplos como os de uma equipa praticamente desconhecida do norte que se chama Futebol Clube do Porto que é a vergonha nacional.

Mantenhamos vivas as tradições! Mantenhamos acesa a chama e a mística do R.O.S.M.E.N.G.A!!

 

O Benfica recebe no próximo domingo, a equipa do Vitória de Setúbal

O Benfica recebe no próximo domingo, dia 3 de Fevereiro, a equipa do Vitória de Setúbal num jogo que irá contar para a 17. jornada da Liga Zon Sagres.

O técnico encarnado, Jorge Jesus, recebeu boas notícias com a recuperação de Óscar Cardozo e Carlos Martins, sendo que os dois jogadores são apostas possíveis para o encontro do próximo domingo na Luz.

setubal_benfica

O internacional paraguaio que até ao momento é o melhor marcador do Benfica com 13 golos marcados, estava lesionado e já tinha falhado o jogo com o SC Braga para o campeonato nacional e com o Paços de Ferreira para a Taça de Portugal.

Apesar da recuperação de Tacuara e de Carlos Martins, Jorge Jesus não vai poder contar com Nemanja Matic para defrontar os sadinos, o médio encarnado vai cumprir castigo por acumulação de amarelos.

De resto o Benfica partilha o primeiro lugar da Liga Zon Sagres com o FC Porto, ambos com 42 pontos, até ao momento os encarnados somam 13 vitórias, três empates e nenhuma derrota, com um registo de 41 golos marcados e apenas 12 sofridos, tendo o melhor ataque do campeonato nacional. O Benfica vem de uma vitória por 2-1 no encontro da última jornada frente ao SC Braga.

Já o Vitória de Setúbal ocupa o 15. e penúltimo lugar da tabela classificativa com 14 pontos, soma até ao momento três vitórias, cinco empates e oito derrotas, tendo marcado 19 golos e sofrido 33, sendo mesmo a equipa com mais golos sofridos. Os sadinos vêm de uma derrota caseira por 2-0 frente ao Nacional.

O grande ausente na equipa do Vitoria de Setúbal vai ser Meyong, o jogador camaronês foi contratado pelo clube de Angola, Kabuscorp, que se encontra em Portugal em estágio até dia 17 de Fevereiro.

O encontro entre Benfica e Vitoria de Setúbal realiza-se no próximo domingo, dia 3 de Fevereiro, no Estádio da Luz, às 20:15 horas e tem transmissão em directo na Sport TV 1.

Referir apenas que nas apostas de futebol da bet365 o Benfica é a equipa favorita a conquistar os três pontos

SL Benfica vs FC Porto, hoje às 20h15, em directo aqui

Live 01

Para Miguel Sousa Tavares “A sua tese tem partes boas e partes originais. Infelizmente, as partes boas não são originais e as originais não são boas».

Nortada ! É assim chamada a coluna de opinião do MST no jornal “A Bola”. Mas se o homem defende o seu clube azul, porque dá o nome de Nortada? Bom, na interpretação da pergunta encontram o segredo da resposta!

Um artigo do norte, carago! Ouvir-se-á por aí…Mas ó Miguel, só que o Norte é Vermelho…

MST grande prodígio da literatura vem esta semana defender duas teses:

A primeira, que os “incidentes” da Luz após o jogo de Hóquei em Patins SL Benfica – FC Porto se devem a não sabermos perder. A segunda que o Apito Dourado está a ser ressuscitado sem qualquer sentido apenas com o objectivo de o perpetuarmos.

à agressão daquele energumero de nome Bosh, uma coisa é certa, não existe qualquer agressão por parte dos nossos adeptos e existe uma brutal stickada num adepto que apesar de atingido ainda se desviou o suficiente para que não estivéssemos a lamentar neste momento algo muito mais grave.

Mas, não se fixem apenas neste Bosh. A “educação e postura” deste clube esteve bem à vista de todos. Reparem nas provocações de vários outros jogadores e nas imagens de ameaça por parte dos mesmo ao público empunhando “corajosamente” um Stick com crianças pelo meio do público.

Este Clube não pode continuar continuar impune no desporto nacional. Não compete, espuma raiva e ódio. Tal se deve como é óbvio ao que tanta imprensa chama de “excelente organização”. Concordamos com o termo “organização” MAS sim CRIMINOSA !!! E não ficam impunes, os embaixadores de Pinto da Costa. Um tal de Franklim e outro de nome Ilídio Vale, são acima de todos os principais responsáveis. Que não se perdoe nem se esqueça. Se me esqueci de Tó Neves? Não, mas devo respeito a quem tem um QI abaixo da média para me preocupar com ele.

A segunda tese de Miguel Sousa Tavares, sobre termos ressusitado o Apito Dourado começa logo por falhar na expressão escolhida. Não existe necessidade de ressuscitar quem está vivo. No resto, resumo cinco colunas de texto de MEC nesta pérola “ao longo de todo o processo, Pinto da Costa  afirmou sempre que a visita do Árbitro foi inesperada e o deixou incomodado“.

Estas “Nortadas” não passam neste momento de brisas que apenas nos fazem sorrir. O Futebol precisa de gente que não se deixe intimidar. Os vários agentes que se movem no nosso futebol devem perceber que não existem intocáveis e nós estamos a chegar a eles.

Aqui ficam algumas das frases que se podem reter da postura tida por Ricardo Costa, Presidente da Comissão Disciplinar da Liga. numa Célebre entrevista ao Jornal “Sol” .

Eis que quem decidiu atirar o Boavista para os confins dos campeonatos nacionais é adepto do …Boavista. Situação curiosa, mas apenas pelo facto de o futebol português não estar preparado para saber os Clubes das pessoas que exercem este tipo de cargos.

 Eis quem em 2004 começou a ver algo muito simples, apenas em 2004 a Justiça começa a intervir no Futebol !!!

 Curiosa a sua resposta à seguinte pergunta:

 “É o caso de dois jogos que levaram à condenação do FC Porto e do seu dirigente Pinto da Costa. Se fosse hoje, o clube azul e branco seria punido com a descida de divisão por causa dos actos cometidos pelo presidente?”

 Resposta de Ricardo Costa: Exacto, com os novos regulamentos o FC Porto teria sido punido com a descida de divisão por tentativa de corrupção”

Perante isto, digo eu, e recordo que a subtracção de seis pontos ao FC Porto acontece numa altura da época em que o clube era já virtualmente campeão. Justiça vã!!! Justiça para calar. Boavista usado como bode espiatório.

 O Futebol e a Justiça precisa de gente que não se deixe intimidar. Precisamos acabar com a ideia fixa na cabeça “daqueles bandidos” a que me referi, de que lhes bastará ficar sossegados e quietos, à espera que tudo prescreva. Em frente, sejamos optimistas, é necessário acabar com a impunidade generalizada.

Benfica PowerNortadas…. Podem ser Suladas, Oestadas ou Estadas. Serão sempre vermelhas.

“Artur merece renovar” diz o empresário do guarda-redes

O empresário de Artur Moraes, Ovidio Colucci revelou que o guarda-redes brasileiro pretende continuar a jogar de águia ao peito, apesar de existirem outros clubes interessados no jogador.

«O Artur joga no Benfica, tem rendimento e por isso é normal que haja interesse de outros clubes. Não tenho tido contactos com nenhum clube mas veremos o que acontece no próximo ano. Ele tem mercado e isso é bom para ele. Mas o que o Artur quer é ficar no Benfica», afirmou o empresário, em declarações à Rádio Renascença.

Numa altura em que alguns jogadores encarnados surgem como prioritários na política de renovações do Benfica (Cardozo, Matic e Garay), o empresário do guarda-redes titular da baliza encarnada afirmou que Artur devia estar nessa lista.

 “Ele merece renovar pelo Benfica pelo rendimento que apresenta e pela importância que tem para a equipa. É um dos jogadores mais importantes do Benfica. Todos me falam bem dele e conseguir isso no Benfica não é fácil.”

A cumprir a segunda temporada ao serviço do Benfica, Artur Moraes chegou ao futebol português em 2012, contratado pelo SC Braga à Roma. Após uma boa época ao serviço dos arsenalistas ingressou na Luz, tendo um contrato válido até Junho de 2015, com uma cláusula de rescisão de 20 milhões de euros.

Artur Moraes esta temporada está outra vez em grande forma, tendo sofrido apenas um golo nos últimos sete jogos que fez pelo Benfica e segundo o seu empresário, Artur é um jogador que desperta a atenção de vários clubes, mas Colucci diz que a prioridade do guarda-redes é ficar no Benfica: “Ele quer muito ficar no Benfica”.

Os encarnados voltam a entrar em campo no próximo dia 2 de Dezembro num jogo a contar para a Taça de Portugal, com um adversário ainda a definir.

 Referir que pode assistir aos jogos do Benfica no site da bet365 em desporto em directo.

S.L. Benfica vs Olhanense, hoje às 20h30, em directo aqui

Gil Vicente vs SL Benfica hoje às 20h30, em directo aqui –

O incontestável Rei Artur!

Já se sabia da qualidade de Artur Moraes, assim que o vimos a defender as redes do S.C. Braga, e também já havia o conhecimento de que era urgente tirar aquela pessoa (Roberto) e a quem, alguns chamavam de Guarda-Redes da baliza do S.L. Benfica na época passada. A verdade é que após a aliviante saída de Roberto do Benfica, as redes encarnadas foram ocupadas por um senhor denominado de Artur. E assim se passou de um mísero 8 (oito) para uns fantásticos 80 (oitenta). Considero que uma casa se deve construir pela base, e em analogia, uma equipa de futebol profissional deve começar por ter um bom Guarda-Redes que transmita confiança à equipa e ajude nas situações mais melindrosas, em suma, que dê pontos como dizia Jorge Jesus, mas não à equipa adversária. E Artur Moraes merece os elogios dos seus adeptos e mesmo de alguns adeptos adversários. Desde Preud’homme que não havia memória de um número 1 com tal elegância e qualidade a defender ilustre baliza. As suas inúmeras qualidades como jogador, tais como: segurança entre os postes, boas saídas aos cruzamentos e muito mas mesmo muito poucas jogadas que comprometem a equipa, apenas são ultrapassáveis pelas suas qualidades como pessoa, sendo humilde e nada exibicionista (quantas vezes já vi Artur realizar fantásticas defesas e levantar-se como se não fosse nada com ele e voltar tranquilamente para a sua baliza). A nível de “frangos”, o único que me lembro se é que se pode chamar um “frango”, foi uma saída em falso que permite a cabeçada de Maicon para o terceiro golo portista, no jogo com o Benfica para o campeonato, que por sinal estava em evidente fora-de-jogo.

Assim sendo, apenas se deseja que o Rei Artur ocupe o seu trono por muitos e longos anos e que mostre a sua qualidade e humildade a que tão bem nos habituou. Agora sim, se pode assistir a um remate para a baliza do Benfica (independentemente da força, do efeito ou direção) sem qualquer sensação de medo.

BASTA!!!!……….

BASTA!!!…, chega destas palhaçadas! De gente sem qualquer tipo de escrúpulos que não olha a meios, e que se pavoneia de nariz empinado como se os actos “premeditados” que executam com a maior das poucas vergonhas, fosse algo do mais natural e banal! Chegam.., riem-se…, roubam…, riem-se…, e ainda lhes pagam para isso!

Li ontem um comentário em que um Benfiquista se questionava do porquê de certos árbitros, no caso, Carlos Xistra, se tinham dedicado à arbitragem? A resposta a essa pergunta é fácil…, alguns dedicam-se à arbitragem, porque caso contrário tinham que trabalhar no duro para ganhar dinheiro e pouco mais sabem fazer! Desta forma juntam o útil ao agradável! Têm um trabalho, desculpem, um emprego…, inclusivé pago quando se ausentam, ausências essas quase em maior número que as presenças, e vão ganhar mais uns “trocados”, nos assaltos que vão fazendo por esses campos de futebol afora…, e ainda se queixam que não são profissionais! Mas profissionais para quê e de quê??? Muitos profissionais naquilo que eles fazem estão atrás das grades…, são ladrões! Portanto a profissionalização de um árbitro não lhe iria alterar o espírito nem o carácter, porque isso já não muda…, só mesmo quando lhes começarem a entrar nos bolsos (ou então a colocarem cremalheiras novas mais frequentemente, como fizeram ao outro no Colombo…)! A maior parte das pessoas é premiada nos seus trabalhos quando tem um bom desempenho (e isto os que tem trabalho), estes tipos são premiados absurdamente no seu “hobby”, quando ERRAM…, mas desde que os erros não sejam contra os seus donos! É triste!!!

E isto não se trata de apelar à violência, nem pouco mais ou menos, mas chega a um ponto que basta! E o problema é que na convivência diária com este tipo de atitudes e de maneiras de estar na vida, chegamos ao ponto em que pessoas sérias e cumpridoras, chegam a ter vergonha de o serem e de nem se manifestarem no meio de tanta porcaria! Infelizmente esta maneira de estar indiferente acaba por ser cúmplice da corrupção onde estamos enfiados, seja no futebol ou noutra actividade da nossa sociedade! E porque será que aquela gente corrupta tanto odeia o BENFICA! Simples! Porque ao contrário deles o BENFICA é sinónimo de VERDADE, e procura a VERDADE!!!

E a VERDADE é ódio para quem odeia a verdade!!!

Está na hora de corrermos com esta gente e deixarmos de estar indiferentes a isto tudo! Protestamos, gritamos, revoltamos-nos, mas nada fazemos…, e a vergonha continua, e para a semana a vergonha continua!!!

Acho inacreditável como estando a olhos vistos a vergonha que vai ser novamente este campeonato à semelhança do do ano passado, e a muitos outros dos últimos trinta anos, e ainda exista gente que consegue contestar mais as vendas que o Benfica fez, a táctica que o Jesus utiliza, as tomadas de posição do nosso Presidente, e não consiga ver que É IMPOSSÍVEL ganhar o que quer que seja enquanto este mecanismo todo de CORRUPÇÃO E MENTIRA DESPORTIVA não for completamente desmantelado, nos diversos ramos da nossa sociedade onde está instalado! Se o BENFICA tiver o Mourinho como treinador, cinco Ronaldos, três Messis e jogássemos com dois Artures à baliza, não ganhávamos nada…, abram os olhos!!! Entendam uma coisa…, as pessoas no BENFICA entram e saem, e o BENFICA INSTITUIÇÃO manter-se-á SEMPRE! E neste momento, saia quem saiar, entre quem entrar, esta vergonha vai-se manter e não vamos ganhar nada! E é isso que temos que combater!

Vamos começar a mobilizarmos-nos mas a sério! Vamos começar aqui a mostrar ao Mundo a nossa indignação e dar a conhecer (mais do que o que já é…) a vergonha do FRUTAbol PORTOguês: http://www.facebook.com/events/502831163063266/

Este ano começou mais cedo…, ou melhor…, eu nem notei a diferença e só me apercebi que as épocas são diferentes porque mudaram o ano…, senão nem dava para notar! Foi à primeira jornada e agora à quarta…, as nomeações, os casos, os não casos…, enfim…, há que terminar isto o quanto antes que é para depois dar tempo a virar atenções para outras bandas…, e fazerem-se os malabarismos do costume num ou noutro jogo, para dar a parecer que o BENFICA afinal até é ajudado…, mas quando tiver para ai a uns 10 pontos da frutaria…! Mas que fique claro! Nós queremos tudo menos ser ajudados!!! QUEREMOS APENAS IMPARCIALIDADE!!! E depois falamos dentro de campo!!!

Nós não vimos este tipo de erros prejudicarem o clube da fruta! Porque será? Contra o BENFICA é marcar penaltis fora da área, foras de jogo depende para que lado são (ainda ontem vimos um no primeiro ataque que a Académica fez, que foi apenas o prenúncio do que se seguiria), condicionar jogadores por faltinhas, e deixar passar em claro faltas atrás de faltas quando é o adversário…1 vale tudo e já não há vergonha! AGORA É MESMO À DESCARADA!!!

Já o escrevi aqui uma vez e vou repetir! EU TINHA VERGONHA DE GANHAR DA MANEIRA QUE SE GANHA NO CLUBE DA FRUTA!!! E mais…, TER A CERTEZA QUE É POR ISSO QUE SE GANHA!!! Porque eles têm essa certeza!!! E custa-lhes admitir!!! VIVEM NUMA MENTIRA CONSTANTE!!!

P.S. Na Covilhã não existe nenhum Centro Comercial Colombo, mas existe um Centro Comercial Serra Shopping! Apareçam por lá…, e já agora o Hospital Cova da Beira é logo ali a um saltinho!…

AA Coimbra vs SL Benfica, hoje às 20h15, em Directo aqui

A mudança é inevitável, o progresso, opcional. Sem a primeira o segundo não existe.

  • Sobre Luís Filipe Vieira

O frenezim opinitativo que obviamente surge após as declarações do Presidente do Sport Lisboa e Benfica existe algo a comentar sobre que usa discursos retóricos próprios de quem se pendura no autocarro do populismo. Autocarro cujo nome é “DÁ MAIS JEITO”.

Antes porém e de forma muito simples procurarei desligar o complicómetro que circula neste momento entre parte dos benfiquistas.

Directo à ferida aberta:

2 titulos em 11 anos

Isto passado assim “tout court” digo ser e com todas as letras MANIPULADOR. Reportando-me apenas à era JJ, ninguém duvida que à excepção do Campeonato de hà 2 anos tivemos dois desvirtuados de forma escandalosa? Logo, a existência de verdade desportiva culminaria neste moomento com um correcto e verdadeiro balanço de de 3 títulos em 4 anos? Alguém dúvida? Se sim, das duas uma ou andaram a brincar na altura em que tudo se queixou ou afinal pactuaram com os objectivos roubos sobre a nossa Equipa:

#1 de á 3 anos atrás, dos 7 jogos inciais do Campeonato, bastaram 5 onde fomos literalmente afastados da luta pelo título com as arbitragens que estão bem documentadas.

#2 Do ano passado, pela que por alguma razão ficou conhecida pela segunda liga Proença, escuso de enumerar a forma como fomos espoliados do título.

Agora, o que se lê sobre a tão douta opinião que por aí se vê de estarem confusos ou indignados pelo discurso de Luís Filipe Vieira. Antes de aprofundar a minha opinião sobre isso, digo, quero um Benfica que saiba viver com o que tem e não que vá atrás de lunáticos que pensam que temos um dono da Aljazeera a injectar dinheiro. Se bem que petróleo & dinheiro não compram títulos, glória nem muito menos dignidade. E aqui é o que se passa. Lembro que o simbolo do Benfica é uma águia e não um leão e não equipamos às riscas mas de vermelho sangue. E quero que continue a equipa por muito mais tempo. Os outros que façam o que bem entenderem.

Então vamos lá, vamos lá à indignação e confusão (não verdadeira, porque o tema é bem simples) que fez em certas mentes a chamada à realidade por LFV.

Não tenho nenhuma objecção moral de princípio à mudança de opinião. Se tomo uma certa decisão, com base num conjunto de dados que depois se vêm a revelar falsos ou incompletos. E penso que não sou assim tão extraordinário quanto isso, pois não? A maioria de nós segue pela mesma bitola, adaptando as suas posições às circunstâncias, consoante o devido e perante a alteração constante das mesmas…(descobri a pólvora? Claro que não.) Mas porque é que os nossos opinadeiros, Media e quem em torno deles orbitam e ainda benfiquistas acreditam de uma forma tão inquestionável de que “mudar de opinião” é negativo, e uma espécie de sinal de fraqueza ou de falta de inteligência? Os nossos dirigentes não têm que ser infalíveis, sobretudo, se as condições que os levaram a decidir por um lado ou por outro, mudarem. Este tique é provavelmente uma sobrevivência do Salazarismo, onde se defendia a tese de que o “Governo” (tido como coisa supra-humana e impossívelmente distante) nunca podia ser colocado em questão, porque ele sabia sempre o que era melhor para o “Povo”. Agora, num mundo onde Alvin Tofler reconheceu na já longínqua década de 80 que não só a mudança era cada vez maior, como também o próprio ritmo da mesma, será razoável esperar que alguém mantenha a mesma opinião para… Sempre? Será este um tique ainda proveniente do estrato “imperial romano” ainda tão marcante no substrato moral e político mediterrânico? Será que esta devoção pela “infabilidade política” é um traço ausente da mentalidade nórdica?

Santa paciência, preocupem-se com o que está a acontecer na Europa do Futebol e que mais tarde ou mais cedo nos tocará, fazendo-nos lamentar dizendo “ahhhh o tempo em que eu era SÓCIO” e deixem-se de retórica. Nota, isto não invalida, que me surja alguém fidedigno, credível com ideias realistas e inovadoras para ser de facto a alternativa a LFV. Quem avança? Pois…

Não devemos ser escravos das decisões que tomamos; podemos ceder às circunstâncias, sem medo de mudar se necessário.

Vou mais longe, e digo qualquer extremo é um erro” neste momento por aó quem me estiver a ler deve estar a pensar “Ih… mais uma relativista”. No entanto o que vos quero passar é isto, na mudança há uma “unidade”! Ser flexível não significa ser fraco, ou não ter personalidade, pois não importa quão delicada e frágil seja uma situação, porque existem sempre pelo menos, dois lados.

Por fim, o meu receio, o nosso mundo é feito de aparências, nesse contexto, é impossível que possamos realmente ter uma visão sobre todos os ângulos antes de nos dotar de uma opinião, esta corre um sério risco de vir a se tornar num preconceito se virmos a desenvolver resistência a qualquer mudança de paradigma. E a minha preocupação paradoxalmente vem principalmente de benfiquistas que escrevem por aí umas coisas em páginas onde por ser colocado o nome “BENFICA” julgam poder debitar informações a cada dia, mas sempre a a dizer o mesmo. E pasme-se há quem vá atrás dessas prosas. Informação deve oferecer sempre novas possibilidades e vertentes, analisar cada uma e uma forma de nos mantermos atualizados, a idéia do geocentrismos e de que a terra era chata era suficiente a realidade de mundo dos pré copernianos, nosso tempo nos revela uma variedade de luzes cada vez maior em um ritmo cada vez mais frenético, se adaptar e evoluir enquanto ser humano. Mesmo dentro de um “centro” imutável o nosso pensamento pode alterar-se”, isto porque podemos rever “particularidades” que antes não nos ocorriam.

A reflexão exerce papel activo! Acharmos que “não mudar” é uma virtude por si é no mínimo uma ingenuidade, quando não “burrice”. Evidente que existem parâmetros imutáveis sendo o maior O SPORT LISBOA E BENFICA, contudo, penso que constitui um sinal de crescimento individual quando já não pensamos do mesmo modo que há alguns anos… Às vezes, basta uma troca de idéias com um amigo para revermos a nossa posição num assunto; às vezes, a mudança vem gradativa, com questionamentos, com retrocessos, com dúvidas, até que o nosso pensamento de facto se modifique. Ah! É bom dizer que, dependendo da “mudança de opinião”, assumi-la pode ser algo bem distante de fraqueza; pode ser um verdadeiro acto de coragem – força.

FORÇA LUÍS FILIPE VIEIRA ! PARABÉNS PELA CORAGEM DE NÃO MOSTRAR O MUNDO APENAS COR DE ROSA

FORÇA CANDIDATO A CONCORRER CONTRA LFV. Nas condições referidas só tratará tudo de positivo ao nosso Clube.

FORÇA BENFICA !

F.C. Porto e os negócios “fantasma”!

A transferência de Alex Sandro do Uruguai para o Porto é um negócio “fantasma”, como lhe chama o ministro do Desporto do Brasil. O atleta foi comprado a um clube do Uruguai que nunca representou. Juventus e Roma também contrataram jogadores nas mesmas condições, de acordo com um artigo da agência Bloomberg.

O brasileiro Alex Sandro foi contratado pelo Porto ao uruguaio Clube Deportivo Maldonado, pelo qual nunca vestiu a camisola, de acordo com uma investigação da agência Bloomberg.Não é caso único. A Juventus e a Roma também têm nos seus plantéis atletas oriundos daquele emblema sul-americano. Quando chegou ao Porto, Hulk também vinha de um clube uruguaio que nunca representou.A transferência de Alex Sandro de um clube uruguaio para o Porto é um dos negócios “fantasmas” que a agência de informação Bloomberg ontem noticiou. Quem lhes chamou assim foi o ministro brasileiro dos Desporto, Aldo Rebelo.No caso especifico de Alex Sandro, a compra foi feita pelo Futebol Clube do Porto ao Clube Deportivo Maldonado, da segunda divisão do campeonato do Uruguai, mediante o pagamento de 9,6 milhões de euros, como apontava o comunicado enviado pela SAD portista à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) a 23 de Julho de 2011. A questão é que Sandro não jogava naquele clube. Os direitos do seu passe é que pertenciam àquele emblema do Uruguai. O atleta vestia a camisola do Santos.Além de Alex Sandro, Marcelo Estigarribia foi emprestado à Juventus por 500 mil euros, enquanto Ivan Piris passou para o AS Roma por 700 mil euros. Todos vindos do Maldonado, todos sem nunca terem jogado uma partida pelo colectivo uruguaio, segundo a agência de informação. Os seus direitos é que estavam no clube. Nenhuma equipa quis comentar o assunto à Bloomberg, excepto o Roma, que afirmou que não considerava “significativo” que os direitos estivessem na posse do Maldonado.

Até ao momento, ainda não foi possível entrar em contacto com o responsável pela comunicação do Futebol Clube do Porto.

FIFA não comenta casos específicosAo todo, Juventus, Roma e Porto pagaram 11,1 milhões de euros para comprarem jogadores do Club Deportivo Maldonado, de acordo com o artigo da agência noticiosa.A Bloomberg refere que, segundo os próprios cálculos, o valor das transferências de jogadores com os direitos na posse de clubes uruguaios que passam para clubes europeus ascende a, pelo menos, 70 milhões de dólares (53,4 milhões de euros) desde 2000.Os clubes sul-americanos e outros investidores ligados aos direitos associados aos passes dos jogadores colocam os registos dos jogadores em clubes uruguaios, de modo a reduzir o imposto a pagar sobre essas transacções (a Bloomberg refere, com base em informações do advogado Rodrigo Garcia, que a redução pode será para uma taxa de 5% face a uma de 20%).Contactado pelo Negócios, o departamento de comunicação da FIFA, órgão de futebol internacional, não quis comentar por não falar “especificamente” de nenhum caso que “pode ou pode não estar sob investigação”. A FIFA tem um sistema (o FIFA Transfer Matching System) que tenta identificar se há a influência de um terceiro interveniente numa transferência (além do clube e do jogador e seus representantes). Uma investigação é iniciada quando esse órgão considera que pode ter havido uma terceira influência.

A investigação a Hulk 

Este não é a primeira vez em que estes negócios são noticiados. Também segundo uma investigação da Bloomberg, Hulk foi contratado pelo Porto ao uruguaio Clube Atlético Rentistas, sem que nunca tivesse jogado por ele. Nesta investigação, os jogadores envolvidos eram os agenciados por Juan Figer.

Hulk jogava pelo Tokyo Verdy antes de ir para o Porto. Mas a compra do passe foi ao Rentistas, clube pelo qual nunca jogou.

O negócio, defenderam os intervenientes, é legal, mas, nessa altura, a FIFA anunciou que iria abrir uma investigação para avaliar quaisquer ilegalidades.

19 Setembro 2012 | 11:37

Retidos os prémios monetários do Sporting Clube de Portugal. Queixam-se agora do quê?

O Comité de Controlo Financeiro de Clubes da UEFA decidiu esta terça-feira reter preventivamente os prémios monetários do Sporting Clube de Portugal e de mais 22 clubes presentes nas competições europeias em 2012/2013. Talvez já seja tarde para os sportinguistas perceberem o verdadeiro motivo de se encontrarem onde se encontram “de calças na mão”. Nós lembramos:

O famoso “Projecto Roquette“, recordam-se:
A 15 de Fevereiro de 2006, João Rocha antigo presidente do Sporting confirmou o que apenas tacitamente era conhecido.

A existência de uma aliança ou reforço da mesma entre (FC) Porto e Sporting desde 1999-2000 feita pelos presidentes Jose Roquete e Pinto da Costa.

Não quero desestabilizar nem ofender ninguém, até porque se são aliados não tem mal, agora em termos históricos se se intitulam de “grandes” estranho que que não saibam ou queiram agir como tal e por conta própria. Com isto concluo que Benfica é então acima de “Grande” para o Sporting e Porto.  Será que apenas fui especulativo? Que acham benfiquistas? Serão Sporting e Porto um só clube (o anti-benfica)? Perpétuo? A estratégia, ou falta dela, daquele que um dia foi por direito próprio o verdadeiro e leal rival do Sport Lisboa e Benfica conhece mais um capítulo no cada vez mais claro definhar do SCP. Agora? Agora, continuem a pedir ajuda  ao amigo da onça.

Vem de trás, muito de trás, e por estratégia do FC Porto a união de forças com o Sporting com o único objectivo de juntos procurarem atingir a grandeza do Sport Lisboa e Benfica. Realidade que vem dos tempos de Pinto da Costa e Pedroto.  Já por parte do Sporting, apenas posso apelidar de “Santa ingenuidade” esta “Santa Aliança”. Apenas conseguiram passar a ser um clube subalterno, cuja face visível são as gerações de ódio criadas para com o Sport Lisboa e Benfica.

Especulativo? Não, não fui. É bom recordar como factos passados podem e influenciam o presente.

A 15 de Fevereiro de 2006, João Rocha antigo presidente do Sporting confirmou o que apenas tacitamente era conhecido.

A existência de uma aliança ou reforço da mesma entre (FC) Porto e Sporting desde 1999-2000 feita pelos presidentes Jose Roquete e Pinto da Costa.

O objectivo era claro, esta aliança visava abater o Benfica afastando-o dos 1º e 2º lugares do Campeonato ou seja da liga dos Campeões. Quem o afirmou? Foi precisamente João Rocha que certificou publicamente ter saído indignado de uma reunião do conselho leonino ao ouvir José Roquete revelar esta aliança. Segundo as suas palavras “estava previsto que o porto seria quase sempre campeão e ao Sporting caberia o 2 lugar e dessa forma matavam-se dois coelhos com uma cajadada”. Palavras de João Rocha. Com a eleição de Dias da Cunha e tendo o Benfica conseguido classificar-se para a Champions, ultrapassando o Sporting em 2004/05, Dias da Cunha lá resolveu dar um murro na mesa. “O Sistema tem dois rostos, Pinto da Costa e Valentim Loureiro” recordam-se desta frase? Acabou Dias da Cunha por ganhar uma guerra com a tal dupla e com alguns sportinguistas. Surgiu entretanto uma nova personagem nesta santa aliança, e ela foi retomada, Soares Franco. E claro, era habitual vê-lo sorridente ao lado de Pinto da Costa, e a servir de moço de recados do “homem do norte”.

Retidos os prémios monetários do Sporting Clube de Portugal. Queixam-se agora do quê? Talvez os 60? 40? ou 19 Milhões de Euros do Hulk vos possam ajudar.

O Negócio do Gaz do Zenit com o Gaz do Pinto

No dia 3 de Setembro, pelas 21:45, o Futebol Clube do Porto declarou à CMVM a venda do seu maior activo, Givanildo Vieira de Souza pela “módica” quantia de 40 milhões de Euros.

As reacções imediatas foram de espanto e   de ironia por todos quantos ouviram  o Presidente do FCP com as suas piadolas (cada vez menos acutilantes) a afirmar que tinha recusado o negócio por 50M.  E quando tudo apontava que o jogador sairia por um valor a rondar os 60 milhões, aparece um comunicado oficial que confunde a maior parte das pessoas ao mostrar um valor consideravelmente menor. Apesar de ter deixado explícito que os 40 milhões se reportam unicamente ao valor que o Porto recebe pelos 85% do passe que detém, o observador comum tem dificuldade em compreender como é que o valor da transacção chega, então, aos 60 milhões.

Entretanto o Jornal O Jogo (quem mais…) foi rápido nos esclarecimentos, tendo esmiuçado todos os detalhes do negócio, mostrando que o valor total da transacção ERA MESMO DE 60 MILHÕES DE EUROS. O dinheiro é distribuído da seguinte maneira:

 Cito:

 “40 M para o Porto, 9 M para o fundo que detinha 15% do passe (só por aqui é fácil ver que a a transferência perfaz os 60M, já que 9 é exactamente quinze por cento de 60), 6M como comissão por intermediação do negócio (10% do valor total), 3M para o fundo de solidariedade (5% do valor total) e 2M como prémio para o jogador e empresário. Contas feitas temos exactamente o valor de 60 milhões de Euros.

Fim de Citação

No entanto, e por culpa própria de quem redigiu o comunicado à CMVM, outros meios de comunicação preferiram enganar parvinhos, em vez de deixar claros os termos do negócio.

Como por aqui no BENFICA POWER não andamos a dormir, para aqueles que ainda têm dúvidas a prova de que este negócio se fez por 60 milhões pode ser dada recuando ao negócio do Falcao.

Segundo o comunicado feito à CMVM o preço do jogador foi de 40M. Até aqui tudo bem, mas para reforçarmos o que suspeitavamos bastou analisar o último Relatório e Contas do FCP para se perceber que destes 40, apenas 30 entraram nos cofres do clube. E por onde foram distribuídos os 10 restantes? Pelos fundos que detinham uma percentagem do jogador, pelos serviços de intermediação feitos pelo Jorge Mendes (também aqui à volta de 10% do valor total) e pelo mecanismo de solidariedade.

Todo este negócio foi similar ao do Hulk com excepção de um pequeno detalhe, o comunicado feito pelo clube à CMVM. Falta saber quem o fez e qual era a sua intenção ao anunciar a venda do Hulk por 40 milhões de Euros poucos dias depois de o Presidente ter dito publicamente que tinha recusado 50.

Por isso, não desarmamos, se andam a brincar às SAD, se os accionistas do tal Clube se borrifam para tudo isto, nós BENFICA POWER reafirmamos o nosso objectivo: EXIGIMOS QUE A CMVM esclareça tudo ao pormenor. NÃO ADMITIMOS TERMOS SIDO MULTADOS POR UM ATRASO DE MINUTOS com tudo claro e este Clube continue a agir na ilegalidade sem a entidade tão “Séria” e ciosa de um “Mercado transparente” se mantenha calada à espera que o tempo faça esquecer tudo isto.

O BENFICA POWER não esquece e voltará com mais dados sobre tudo o que envolve estas negociatas.

É vergonhoso mas ao mesmo tempo caricato que uma Empresa de Gaz tenha negociado com um gazeificado, com este a mandar piadolas, e tudo e todos se mantenham impávidos e serenos.

Ó Baptista, não sai mais vinho para a mesa do Sr Bruno Carvalho

“Queremos um Benfica Campeão”

Que excelente frase ! Um verdadeiro achado, uma frase lapidar para ser gravada num mural na entrada da Catedral.

Quem o diz é um verdadeiro visionário. Como iria um Benfiquista lembrar-se de tal coisa? Que extraordinária constatação…Sendo benfiquista, nunca poderia imaginar tal objectivo.

Infelizmente, “apenas” me lembro de primeiro, por culpa própria (após Jorge de Brito) termos permitido que o Sistema se tivesse apoderado do que se apoderou (incluíndo o cérebro de ervilha do leão). Após o que, esse mesmo Sistema fez o que bem quis e entendeu por 3 décadas, e nos registos Oficiais lavram não sei quantos titulos sujos. Mas estão lá. 3 décadas que fazem da Justiça Desportiva uma anedota mesmo se contada no reino das Berlengas à abundande população de gaivotas. 3 décadas que apenas a Justiça da Consciência de quem não foi chipado pelo polvo azul sabe serem a vergonha nacional (não só desportiva).

“Queremos um Benfica Campeão” que maravilha! Os portistas nunca se lembraram de tal frase nem de tal vontade, os sportinguistas também não, Os madridistas também não, os do Barça idem, os milanezes nem pensar….

Infelizmente a Internet tem de positivo quase tudo, menos um corrector de Wishfull Thinkings gastos.

Pois bem, não tendo sido o génio que decobriu esta verdade do “Queremos um Benfica Campeão” “apenas” pedi que ao SL Benfica fosse devolvida a sua histórica cara lavada, a recuperação da credibilidade do Clube, mas de forma sustentada, sabem, aquela de não termos contas da luz ou da água, por pagar, coisas menores….

Coisas “menores” que estão tratadas e de forma sustentada.

Pedi que o SL Benfica fosse além de eclético e um mero participante em modalidades, que lutasse pela vitória em todas elas. Neste momento, é uma realidade.

Pedi que não fosse possível chegar aqui uma Fiorentina e nos desviasse um Rui Costa contra a sua vontade para podermos pagar as continhas da lavandaria e do talho por andarmos de calças na mão. Neste momento, em contra ciclo com a infeliz realidade do país, a capacidade negocial do SL Benfica fala por si. Não nos aparecesse aqui um qualquer barrabotas a acenar de forma irónica com uma esmolinha e nos leva qualquer jogador. Está atingido esse objectivo, e numa altura, em que lembro, Luis Filipe Vieira disse aos benfiquistas faz mais ou menos um ano que não esperassem grandes investimentos. Por ventura muito benfiquista estaria mais contente com o discurso evasivo de Godinho Lopes enviado aos associados do SCP ou com a salganhada de contas do FCP. Lamento, eu não. Prefiro a clareza de processos.

Anjinhos? Só no Céu. Luis Filipe Vieira, iniciou o seu mandato de forma titubeante e inexperiente mas tem vindo a aprender que se queremos paz, o melhor é prepararmo-nos para a Guerra. Não chegou ainda ao patamar que sei ser possível à figura que lidera o Sport Lisboa e Benfica, mas tudo tem para lá chegar. Qual o meu ideal num presidente do Sport Lisboa e Benfica? Simples, que negoceie como Churchill e actue como o Patton.

“Queremos ser Campeões” Claro que queremos, mas antes existem felizmente pessoas que vos preparam o terreno para que não sejam motivo de chacota ao dierem tal frase.

Faz falta uma candidatura, atenção, falo em Candidatura, não em lunáticos a quem já mandei tirar o garrafão da mesa….”Ó Baptista, não sai mais vinho para a mesa do Sr Bruno Carvalho“. Uma candidatura que me faça pensar e não vomitar. Ela é necessária, existem aspectos importantíssimos a serem discutidos, aspectos a sabermos qual a posição da actual direcção e desta forma arriscamo-nos a que o actual Presidente por mais que queira se não tiver um candidato pela frente pode não esclarecer, não por maldade, mas por falta de interlocutor.

Por fim, aos que diariamente mandam imagens, comunicados (ainda por cima pessimamente redigidos) que (sem ironia) apresentem ideias sem ser essa do “Quero ser Campeão” (quanto a esta douta frase,tenham calma que o vão ser) ou das contas mal apresentadas, nesta é nitida a falta de conhecimento económico financeiro mesmo ao nível mais básico. Confrangedor, ler o que se comenta neste aspecto.

Querem ideias? Eu ajudo.

#Estamos atentos ao nascimento de uma nova realidade a nível Europeu pela compra de Clubes por parte de magnatas e empresas por meios menos transparentes que contornam de forma ridicula as normas da UEFA estabelelidas na FFA?

#O que pode ser feito para tornar a marca Benfica mais agressiva em termos comerciais? O que pode ser feito para tornar a imagem institucional do Sport Lisboa e Benfica adequada aos tempos que decorrem, para vermos os canais oficias de comunicação do Sport Lisboa e Benfica mais libertos de movimentos e mais inovadores? Os orgãos oficiais do Sport LIsboa e Benfica tem de ser a Máquina que nos puxa e não o contrário.

Há uns anos atrás, finais dos anos 80, era olhos nos olhos que olhavamos qualquer adversário. Por fim isso está a voltar e não foi com escritas inócuas no facebook que tal foi conseguido. Foi com trabalho e estratégia clara no rumo a tomar. Mantendo-o, auguro algo de muito positivo ao SL Benfica num curto prazo de 2 a 3 anos e que por fim permitirá a quem agora anda nas correntes caricatas do Facebook com slogans “Queremos um Benfica Campeão” ter de arranjar um outro Slogan. Sejam criativos, justos e já agora, menos cu no Sofá e mais acção no apoio ao Sport Lisboa e Benfica !

Saudações Gloriosas

Benfica perde mais dois jogadores

Tristan C.S.C. numa invasão supersónica consegue levar dois jogadores do Benfica.

Ricardo Araújo Pereira e Pedro Ribeiro vão ser jogadores do Tristan da Cunha Sport Club com contracto vitalício.

O Tristan vai pagar nada mais nada menos que 500 milhões de Euros, 250 milhões a pronto (referente a RAP) e para o Benfica, pois o Benfica detinha 100% do passe do jogador (inc direitos de imagem, gel duche, anti depressivos…) e 50 Eur referente á % que o Benfica detinha de Pedro Ribeiro, sendo o restante dividido para o fundo de solidariedade FIFA, jogador e empresário, comissões de intermediação, arrumador de carros e para o Sr que limpa os WCs do parque de estacionamento.

Sabemos ainda que os jogadores vão receber 15 milhões de Eur por mês.

Manchester City, Zenit e Anzhi tentaram durante muito tempo contractar estes jogadores, mas sem sucesso. Se antes foram sondando e fazendo propostas (rejeitadas sempre pelo Benfica, e mesmo sem Jorge Jesus lhes dar muito tempo em campo), nesta recta final foi o Tristan C.S.C. (clube que pertence a magnatas Americanos e Japoneses) que num ataque repentino conseguiu segurar estes dois jogadores que já se encontram a voar (tremoços, couratos fazem parte do repaste, o caviar e champagne ficaram de parte) directamente para a Russia e só depois para a ilha.

Esta transferência repentina, é muito por culpa do empresário dos jogadores, o conhecido, poderoso e insistente Rádio Comercial que usou todas as armas para levar os jogadores para o Tristan, empresário este que exerce sempre uma enorme pressão e que consegue sempre o que quer.

Em entrevista rápida os jogadores disseram que foi seu desejo e era um sonho poderem representar este novo clube e que comer super lagostas durante todo ano fez a diferença.

Terminam agradecendo aos adeptos por tudo, treinador, presidente e restante stasff.

Assim que surgiram rumores (esta noticia é em primeira mão) da possível transferência destes dois jogadores, alguns adeptos mostraram prontamente o seu desagrado através das redes sociais, acusando JJ de não utilizar muito os jogadores, que deviam ter sido adaptados e ao presidente LFV chamam-lhe de vendido, pois a transferência dos jogadores foi 50 eur a baixo da clausula de rescisão.

Nós, no Benfica Power desejamos as melhores felicidades a estes jogadores que apesar de terem sido aliciados e trocarem o SLB por lagostas, merecem algum respeito pela forma como sempre defenderam o clube fora das quatro linhas.

O campeonato do arquipélago terá início no próximo mês e o Tristan C.S.C. defrontará o Santa Helena na 1ª jornada no estádio Edimburgo dos Sete Mares. Na jornada seguinte será o derby entre o Gonçalo Álvares ou Gough, como os seus adeptos lhe chamam carinhosamente.

De referir que seja qual for o lugar que as equipas ocupem no final do campeonato entram directamente para a Champions e Liga Europa, já que o campeonato é disputado unicamente por estas três equipas.

Quem pensa que este campeonato é fácil, está muito enganado, as equipas chegam a enfrentar ventos regulares de 190 Km/h durante os jogos.

Cresci a respirar Benfica e nos principios que fundaram o nosso CLUBE

(Artigo de Pedro Pardal)

Car@s Benfiquistas, colegas do BENFICA POWER e tod@s seguidores assiduos. Foi com enorme orgulho que recebi o convite de poder fazer parte integrante deste grupo de amigos que diariamente, tudo fazem ao seu alcance para dignificar e enaltecer o nome da nossa Gloriosa instituição, Sport Lisboa Benfica ! Ontem numa reviravolta mercantilista , houve duas situações a que o futebol moderno se encontra sujeito nos dias que correm. Eu considero-me um romântico, alguêm que ainda acredita em valores morais e éticos, porque cresci a respirar Benfica e nos principios que fundaram o nosso clube. Foi com pesar que assisti á decisão de dois nos nossos, agora, ex-jogadores e algum silêncio ensurdecedor, mais concretamente do atleta Axel Witsel. Toda a classe que Witsel demonstrou em campo a defender o nosso emblema, foi apagada da minha memória. Não por mero despeito como poderão pensar, mas sim por uma mostra inequivoca de que ingratidão é algo que o anteriomente citado demontrou para com tod@s os sócios, adeptos, simpatizantes do Glorioso S.L.B. Caso encerrado !


Contudo o maior pesar foi a reacção de adeptos, que mais uma vez, aproveitaram-se desta situação incontornável para “descascar” mais uma vez na nossa direcção e treinador e tudo isto numa semana em que o BENFICA venceu duas supertaças, consolidou o 1º lugar na classificação na liga Zon Sagres e outra grande vitória da nossa equipa B. teremos agora duas semanas de paragem nas competições de futebol, mas o Benfica não tirará férias, tal como nós não iremos ficar em silêncio a aguardar o que “estará para vir” ! O S.L.B. é o clube da Águia e quem ama o Benfica não age como um abutre. Deixo-vos nesta minha estreia, neste GRANDIOSO grupo de Benfiquistas com um agradecimento pessoal ao Carlos Fontes por me ter lançado este desafio que espero estar á altura para contribuir para o grande trabalho desempenhado pelo staff do BENFICA POWER e tod@s que o seguem. O meu muito Obrigado, um Abraço Glorioso a tod@s vós e VIVA O BENFICA !

p.s : Pessoas assim não têm preço :

José Mota 0 BENFICA 5

2ª Jornada Liga Zon Sagres

José Mota 0 BENFICA 5

A noite de pesadelo não foi para com os jogadores do Vitória de Setúbal, mas sim para um José Mota perdido por se ter esquecido que as suas ordens de “canela até ao pescoço” poderiam dar no que acabou por dar. Denuciou-se no que balbuciou no final do encontro. “Não questiono a justiça da expulsão, mas foi cedo demais”. Trata-se de algo tão simples, e no entanto com tanto “paineleiro” e jornaleiro não vi nem li em parte alguma a mais simples análise que pode ser feita, não fosse Amoreirinha expulso, e teríamos um misto de rugby australiano misturado com Futebol à José Mota. A noite de pesadelo, não foi para com os jogadores do Vitória de Setúbal, mas sim para responsáveis e adeptos do clube do bicho mitológico. Numa rápida visão sobre Vitórias, vimos um de Setúbal a jogar mais, a correr mais, a rematar mais em 45 minutos que outro Guimarães em 90, um Guimarães que passeou num estádio na Cidade do Porto.

Salvio diabólico, num flanco direito magnifico com Maxi Pereira e Rodrigo a caír igualmente para esse lado. A ficar na retina, o momento genial em que Salvio, ao passar por três adversários antes de o cruzamento ser bloqueado por Caleb. Fantástico. Outro momento fantástico quando Rodrigo, numa das suas muitas movimentações, recebeu a bola de Maxi na direita, sentou dois defesas e cruzou meio golo para Cardozo, Tacuara acertou o outro meio no guarda-redes, que, com a aflição de tirar a bola da zona de recarga do ponta de lança, colocou-a na diagonal de Salvio, que não perdoou. Mais flanco direito para o KO a José Mota quando Maxi combinou com Rodrigo, e Salvio arrancou de forma à sua maneira para a baliza contrária. A finalização esbarrou em Caleb, mas a bola ressaltou para Enzo Pérez, que atirou para as redes. O Benfica voltou para o segundo tempo com o mesmo ritmo e, sobretudo, com a mesma concentração. Aos 66 minutos, uma jogada totalmente fabricada pelos “três suplentes” utilizados por Jesus: Carlos Martins cruzou da esquerda, Aimar amorteceu e Nolito rematou a contar. Aos 81 minutos, numa altura em que os avançados do Benfica já se recriavam surge a segunda obra de arte de Aimar, o seu segundo toque de génio na sua segunda assistência da noite, finalização perfeita de Rodrigo, em chapéu, para o bis e para o ponto final na noite de pesadelo de um José Mota perdido por se ter esquecido que as suas ordens de canela acima do pescoço poderiam dar no que deu.

Uma última nota para o que os 3 montes de papel pintado. Amoreirinha não deixou uma passadeira vermelha, deixou sim marcas de pitons. A dita, a passadeira? Foi deixada por um Vitória de Guimarães num processo de vassalagem vergonhoso.

Em frente Benfica !

Vitória de Setúbal vs SL Benfica, hoje ás 20h15, em Directo aqui

Rodrigo renova com o Benfica até 2019

Rodrigo renova com o Benfica até 2019

O internacional espanhol Rodrigo Moreno renovou o seu vinculo com o Benfica por mais sete anos ficando assim ligado ao clube encarnado ate 2019, a sua clausula de rescisão aumentou para os 45 milhões de euros.

Rodrigo nasceu no Brasil, mas neutralizou-se espanhol, o jovem jogador fez a sua formação no Celta de Vigo e no Real Madrid antes de se transferir para o Benfica.

O jogador de apenas 21 anos chegou ao Benfica na época de 2010/11 e nesse ano foi emprestado ao Bolton de Inglaterra, para ganhar mais experiência e ritmo de jogoRodrigo conseguiu bons resultados de futebol e boas exibições ao serviço do clube inglês, e o Bolton queria mantê-lo na sua equipa, mesmo que fosse por novo empréstimo.

Contudo o internacional espanhol mostrou o que valia e deu as provas necessárias para voltar a jogar no Benfica, revelando-se agora um jogador importante na estratégia do treinador encarnado, Jorge Jesus.

A renovação com o Benfica é um voto de confiança e o jogador mostrou-se muito satisfeito com este acontecimento:“ Acho que está a ser maravilhoso. Vai ser a minha segunda temporada aqui. Primeiro tive uma experiência no Bolton, que agradeço muito, depois estive na temporada passada aqui e as coisas correram bem, por isso estou muito feliz. Espero que este ano seja melhor ainda do que o ano passado”, disse Rodrigo Moreno às notícias desportivas.

 

O jovem jogador tinha já sido alvo de alguns clubes europeus que estariam interessados na sua contratação, inclusive o Real Madrid a quem foi contratado, mas o Benfica assegurou assim o jogador por mais algumas temporadas.

 

Lembrar que o Benfica no próximo Domingo vai-se deslocar ao Estado do Bonfim para defrontar o Vitoria de Setúbal num jogo que vai contar para a segunda jornada da Liga ZON Sagres.

Sport TV comprou os direitos de transmissão televisiva dos jogos da Liga de Futebol Espanhola.

  • Mais que previsivel. Apenas por ainda acreditar na Sininho, no Peter Pan e na Electra, mantinha a esperança de surgir alguma novidade que não Media Pro ou SportTv. Mas…o vento mudou e Esperança não voltou.

    Por isso a Sport TV comprou os direitos de transmissão televisiva dos jogos da Liga de Futebol Espanhola. Este contrato entre a Sport TV e a Media Pro está assegurado por três anos, ou seja, as épocas de 2012/2013, 2013/2014 e 2014/2015.

    Isto foi possível, depois de Miguel Pais do Amarel ter “desisitido” dos jogos da Liga BBVA e não entregar, em Junho, o valor da primeira prestação no valor de um milhão de euros à espanhola Media Pro. Por eso, ardió La Tienda Nena.

    Que tenha os direitos da Liga BBVA, é algo que à partida me estaria pura e simplesmente a borrifar. Mas… não posso.Ó que Catano, não posso mesmo. E não posso, porque isto não augura nada de bom. Alguém que me diga (e anseio que sim e de forma desesperada) que estou errado, mas a partir daqui antecipo duas hipóteses: A SportTv paga o que o Benfica pede (No me gusta) e fazemos um encaixe de Capital interessante. Ou os mandamos pastar, não temos encaixe de €€€ nenhum, mas a SportTv não mete os pés na Catedral.

    Nos jogos fora…enfim já se sabe. A coisa não está boa. Alguém por favor me diga que estou errado !!!!!

 

 

 

Socorro ! Tirem-me o Benfica deste filme.

É quase dia. É quase dia do regresso da I Liga. O  Freitas Lobo vai voltar! Não “CAIBO” em mim de contente!!!

Vão chegar de novo! As dissertações sobre táctica. O hexágono, losango, o pepino o olhar de peixe, as entre linhas, etc… É só escolher… Enfim, vai regressar a qualidade do nosso futebol.

Não tarda eis o que nos vai entrar em casa…

O silêncio em casa é quebrado pelo intervalo que passa na televisão. Entre os anúncios «Blanca, muito para além da lixívia», «Prolongue a vida da sua máquina, com Calgon» e «Actimel com bifidus activos» – que as idosas iletradas fazem questão de dizer que são iogurtes com «bifes activos» e que por isso é que alimentam muito -, ouve-se uma voz grave com uma boa rockalhada de fundo a anúnciar futebol. 

«Hoje, às 20H45, temos… Graaande Jogo!»

[Rockalhada poderosa de fundo, género clip de Nascar da Eurosport, com imagens dos «coxos» das duas equipas a fazerem fintas e com grandes planos dos rostos em sofrimento dos atletas «na raça» a cortar um lançe aos adversários, também eles «coxos»] E o apresentador, empolgado, continua: 

«Mesmo com Zé Tó e Sabugo lesionados, o Rosmenga luta por um lugar entre os três primeiros da classificação e está moralizado com a vitória frente ao Cucujães em casa. Mas o Ramaldense também tem os seus argumentos! 

O Ramaldense está tranquilo na tabela classificativa mas joga em casa e tem a sua claque – a Torcida Ramalde – a apoiar.»

Em fundo ouve-se…E quem não salta não é ramalde olé, olé; e quem não salta não é ramalde olé, olé …

O apresentador, empolgado, continua:

Desportivo Ramaldense – Sport Industrial Rosmenga. Graaande Jogo. A não perder. Hoje. Às 20h45. No seu canal. Graaande Jogo»

Apreciador de futebol que é apreciador de futebol nunca perde um bom jogo da Liga Portuguesa. Nunca perde um bom Rosmenga – Ramaldense, sobretudo se der na televisão e para mais com colossos desta estirpe que, qualquer dia, ainda vão à Liga dos Campeões. 

O campeonato português apresenta este elevado nível de competitividade e é por isso que as mais diversas equipas de Futebol da 1ª Liga – mas é que são mesmo muito diversas – são tão reconhecidas no estrangeiro.

É tudo uma questão de cultura táctica.

a) Os ingleses são conhecidos pelo seu futebol flanqueado, jogado em toda a amplitude do terreno, como diria o Mestre Rui Santos, estruturado num esquema-tipo 4-4-2.

b) Os italianos são conhecidos pelo seu 5-3-2 que se transforma num 3-5-2 em contra-ataque e pelo futebol físico, como diria o Mestre Gabriel

c) Os brasileiros são conhecidos pelo elevado nível de elaboração técnica do seu futebol – como diria o Mestre Gabriel – ,…

d) Os nórdicos são conhecidos pelo futebol aéreo, directo e prático – como diria o … vocês sabem,… num esquema-tipo 4-5-1

«… e então e as equipas portuguesas?»,

Portugal orgulha-se de ser o único país da zona UEFA – a par da Albânia – em que a maioria das suas equipas dos campeonatos profissionais usam o esquema 8-2 (oito defesas, dois trincos). Claro que estas equipas não são tão defensivas assim. Por vezes até se desdobram num esquema 7-3 ou mesmo, muito raramete porque esta é demasiado ofensiva, num 6-4.

É a chamada Táctica Rosmenga. «E o que é em termos práticos o futebol estilo Rosmenga?» Fomos a uma Enciclopédia de Futebol investigar.

O esquema táctico R.O.S.M.E.N.G.A .designa a Retirada Obstinada, Sofrida e Manda-pá-frente-que-é-distrital do Esférico para Neutralizar o Golo e Ataques. Começou por um esquema 9-1 mas registou significativas evoluções ao longo de todo o século XX, já se praticando com frequência o 8-2 (leia-se oito defesas, dois trincos). , o 8-1-1, ou mesmo o 7-3.

Característico deste meritório estilo futebolístico são

1. Em situação defensiva:

a) as entradas por trás a pés juntos
b) as obstruções – que devem designar-se antes por placagens
c) as entradas por trás a pés juntos
d) rebolar 37 vezes depois de o guarda-redes interceptar um centro ou remate adversário, sempre com o cuidado para não sair da àrea
e) rebolar 37 vezes depois de sofrer uma falta inexistente
f) as entradas por trás a pés juntos
g) queimar tempo desde o inicio do jogo porque o 0-0 é sempre um bom resultado

2. Em situação ofensiva

a) [dados inexistentes e indisponíveis] …

Esquema 1-8-2: a Equipa Ideal

SW – Douglão
DC – Otamendi
DC – Khalid Boulahrouz
DC – Paulinho Santos (Reforço para esta época)
DC – Fernando Couto (Transita dos Júniores)
DC – Bruno Alves (Reforço para esta época)
DCD – Ruben Micael
DCE – Danijel Pranjic

MD– Rinaudo
MD – Defour

GR Helton [Que é o responsável pelos remates à baliza adversária]

TEquipa Técnica
TREINADOR
 -Jaime Pacheco
ADJUNTOS – Sá Pinto e Vítor Pereira

Lema da equipa: Break a leg

Estádio: Municipal Avelino Ferreira Torres

Como vêm, o 4-4-2 e mesmo o 4-3-3 são sistema ultrapassados. Portugal e a maioria das suas equipas estão na vanguarda. Não sigamos pois exemplos como os de uma equipa praticamente desconhecida do norte que se chama Futebol Clube do Porto que é a vergonha nacional.

Vejam lá que jogaram contra uma Académica e só (!) conseguiram uma vitória tangencial – atencão: só! – quase aos aos 90 minutos. Assim não dá; assim, meus amigos, é uma verdadeira vergonha – um verdadeiro escândalo – para a tradição do futebol português e para a preservação da cultura táctica do sistema 1-8-2.

Mantenhamos vivas as tradições! Mantenhamos acesa a chama e a mística do R.O.S.M.E.N.G.A!!

Socorro, tirem-me o Benfica deste Filme!!!!

O Fair Play Financeiro da UEFA é uma treta

O Fair Play Financeiro da UEFA é uma treta, e será bom que o SL Benfica não ignore o que se está a passar na Europa do Futebol.

Tome-se o Chelsea com a  Gazprom  de Abramovich prontos a ter mais um parceiro ligado às  novas energias (sim faz parte do mesmo Grupo da Gazprom).O Inter de Milão vendeu uma participação do clube a investidores chineses. O Manchester City, ou melhor, o ex Manchester City, agora deve-se chamar Manchester City Bank, já tem mais um contrato de patrocínio com a Etihad .

Muitos dos principais clubes da Europa já estão a mexer, e a procurar formas  e maneiras de contornar o pretendido Fair Play financeiro da UEFA através dos seus regulamentos na (FFP)

O que é a FFP, de forma simplista é um regulamento que tem como lema o Fair Play Financeiro nos Clubes Europeus. O que a UEFA quiz fazer ou quer fazer é fácil de entender; Como orgão máximo do Futebol Europeu quer nivelar os orçamentos e evitar que os mais ricos fiquem ainda mais ricos e que os mais pobres fiquem mais pobres.

Foi por isso que introduziu a FFP, com a intenção  de regular as dívidas dos clubes e controlar investimentos pessoais feitos por proprietários bilionários.

Basicamente, as regras dizem que os clubes que acumulem perdas iguais ou superiores a € 50 milhões num período de três anos, ficam sujeitos a pesadas sanções, incluindo a exclusão da competição principal da Liga dos Campeões.

A primeira avaliação terá lugar após a temporada de 2013-2014, e os clubes já estão a ser auditados nas suas receitas e despesas.

Mas, e não, não é coincidência, não é por acaso que muitos Clubes estejam já a procurar encontrar buracos nas leis antes do términus dessa temporada. Ao longo das duas últimas , além dos casos que acima mencionei vimos um Barcelona a assinar o seu primeiro contrato de patrocínio para as suas camisolas. Vemos um Manchester United à procura de levantar centenas de milhões de dólares de uma oferta de acções dos EUA, e até mesmo o AC Milan através do seu presidente Silvio Berlusconi a explorar opções de investimento russo através do seu bom amigo Vladimir Putin.

O que vai ser interessante de ver, será a forma como as equipas irão usar a engenharia financeira (ou melhor a esquivarem-se da lei, porém sem a infringirem).É óbvio que irão encontram uma maneira de viver acima das regras impostas, ou pelo menos encontrar uma maneira de as contornar.

Quanto ao Paris Saint-Germain a questão é – O que é que aqui se passa? Se se levar em conta quanto dinheiro os proprietários do Qatar estão a gastar no clube francês é por demais evidente que não estão a cumprir as regras da FFP. O que estão então a fazer?

Acima de tudo, o PSG já está a aproveitar ao máximo o facto de seu presidente Nasser Al-Khelaifi ser também o proprietário do canal de TV Al Jazeera. A rede de Televisão do Médio Oriente pagou uma fortuna para os direitos de transmissão franceses da 1ª Liga, e uma grande parte desse dinheiro vai para os Parisienses.

Anda tudo a dormir? Será que os clubes de futebol estão conformidade com as regras da FFP e a ter o tal Fair Play financeiro? A resposta é óbvia, não estão.

Acrescento ainda que não deverá faltar muito para que o PSG assine um contracto  sobre os direitos de Naming para o seu estádio, possivelmente  e muito mais que uma simples suposição minha, será concerteza com alguma uma empresa com sede no Qatar. E não ficará por aqui. Irá concerteza obter mais alguns parceiros comerciais para aumentar a sua receita anual. Porque essa será única forma de equilibrar as suas contas, depois de passar os € 160 milhões durante a janela de transferências actual, ultrapassando assim as tais regras da UEFA.

Então, e qual é a moral da história? Acredito que a FFP pode ter algum efeito sobre o futebol europeu no futuro, e pode ajudar em algumas áreas do jogo, mas não há nenhuma maneira que ele aguente o ataque destas investidas árabes, chinesas e russas se não alterar as regras.

Basicamente os clubes grandes são como marcas de topo e irão sempre encontrar uma maneira de ganhar dinheiro. Se é por um acordo de patrocínio ou uma peregrinação de pré-época à China ou à arábia ou mesmo por investimento feito por novos parceiros, as opções estão aí para serem exploradas.

Eis algo que não vejo discutido nos nossos orgãos de comunicação social. Eis algo que espero que o SL Benfica se antecipe a todos no que está para vir neste mar de petróleo, gaz natural e dos Media.