Primeira derrota do Benfica na pré-época

Primeira derrota do Benfica na pré-época

A equipa do Benfica perdeu este Domingo, dia 23 de Julho o primeiro jogo da pré-época frente à equipa do PSV Eindhoven por 3-1 cedendo assim o troféu na primeira edição do Torneio de Futebol Wroclaw Masters à equipa Holandesa.

No jogo de ontem podemos ver que o Benfica continua com algumas lacunas a nível defensivo, principalmente nas laterais, com o paraguaio Melgarejo a ser novamente utilizado como lateral esquerdo, mas desta vez ao contrario dos últimos encontros o jogador revelou algumas fragilidades, tendo o Benfica sofrido os três golos pelo seu corredor, no entanto o técnico encarnado, Jorge Jesus não culpou Melgarejo pelo resultado final.

Apesar da primeira derrota, o destaque no jogo de ontem vai novamente para o internacional português, Carlos Martins, sendo um dos melhores dos encarnados e tendo sido ele a marcar o único golo do Benfica, tendo posto a equipa da luz em vantagem ao 33 minutos da primeira parte.

Contudo a equipa holandesa conseguiu marcar três golos na segunda parte do encontro, assegurando assim a vitória, com uma segunda parte onde a equipa do Benfica baixou muito o seu ritmo de jogo.

Esse facto também se pode prender ao facto de os encarnados estarem a ter uma pré-época muito intensa já que realizaram cinco jogos em apenas nove dias.

No final do jogo, o técnico Jorge Jesus fez o balanço da partida e recusou-se a culpar Melgarejo como o único culpado da derrota.

“O resultado não tem nada a ver com a forma como a equipa defende nos corredores, até porque defendo com dois jogadores, não só com o lateral”, disse o treinador do Benfica.

Jorge Jesus também falou de o facto de a equipa poder estar a acusar algum tipo de cansaço devido aos cinco jogos que realizou e também salientou que o problema na defesa não estão apenas no lado esquerdo mas também no lado direito, já que para esse lado apenas pode contar com Maxi Pereira.

“Estes jogos servem para perceber onde existem mais lacunas no plantel e com estes jogadores ou outros fazer um plantel equilibrado“, disse Jorge Jesus às notícias de futebol.

Uma das opções para fazer concorrência a Maxi Pereira poderá vir de um dos jogadores da casa, o jovem João Cancelo, que neste momento está ao serviço da equipa B do Benfica.

Aqui com o nº 13 da Selecção de Portugal.

João Cancelo, lateral direito do Benfica B.

 

 

 

2 comments

  1. Paulo Tavares

    Não adianta considerar-se o João Cancelo o substituto do Maxi se depois não se apostar nele em caso de necessidade e quando os resultados o permitirem – aumentando gradualmente o tempo de jogo.
    Tenho a esperança que a equipa B seja efectivamente o viveiro de jogadores nacionais de forma a que naturalmente apareçam na equipa prncipal sem tremideiras – mas isto só acontece se houver uma aposta clara dando sinais efectivos que contamos com os jovens com potencial.

    • Carlos Fontes

      Parece que a nossa sugestão, surtiu efeito. E agora, sem dúvida Equipa técnica e nós adeptos, precisamos apoiar o João, não exigir demasiado e estamos certos que ele dará uma excelente resposta.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s