Os verdadeiros incendiarios

O verdadeiro incendiário é aquele que, aparentemente, se mostra que é amigo da natureza, e por baixo da pele de cordeiro pode-se ver um animal feroz. Qualquer pessoa pode o ser, e muitas vezes quem menos esperamos é quem o é, mas neste caso os incendiários estão identificados e todos o sabem. Esse clube de meninos do bem são quem mais se esconde e se acobardei-a, mas primeiro deitam a gasolina no fogo que por sim só já arde.

O treinador do Benfica de futsal, Paulo Fernandes, disse que Orlando Duarte, treinador do Sporting, ter toda a razão, em dizer que há falta de coragem dos árbitros. E acrescentou, pela primeira vez concordo com esse treinador. Não se referindo às expulsões, mas ao que deu origem às expulsões. Disse também que, “…esse senhor, que pede coragem e de quem sou amigo, fala muito, e tem ameaçado que abandona a modalidade. Que o faça e que não venha denegrir a imagem dos atletas que o ajudaram a chegar à situação onde ele chegou. Isso é que é coragem e é ser homem.”

Pois é meus caros leitores, a lagartagem até a sua casa gostam de incendiar, no fim-de-semana passado, esse tal de Orlando Duarte, veio a público a dizer que se demitia, nós por cá estamos só à espera da hora dessa demissão.

Depois dizem que nós os agredimos, eles primeiro batem e fogem, como qualquer cobarde que se preze. Eu acredito que se os membros da direcção desse clube fossem homemzinhos, eles davam a cara e diziam que os seus adeptos não estiveram bem e se recriminavam pelo facto que o Pavilhão Paz e Amizade, não fez jus ao nome que alberga. Isto era o mínimo que se admitia a um clube que quer ser grande, só que de grande só tem as dívidas aos seus credores. Eu quero lembrar que ainda esta semana houve um clube que abriu falência, e este clube de terceira já está perto do mesmo fim.

O nosso clube Glorioso veio hoje a público emitir um comunicado que explica tudo o que se passou, diz assim:

Futsal: Sem paz, nem verdade desportiva

Há clubes que dizem que não pactuam com determinado tipo de comportamento, mas são, precisamente, os primeiros a não fazerem o que dizem.

É que, se alguém quer condicionar a arbitragem, é o treinador da equipa de Futsal do Sporting e os seus dirigentes, algo que, aliás, é uma estratégia utilizada de forma contínua. É bom não esquecer as declarações proferidas pelo treinador Orlando Duarte sobre a arbitragem ao longo de toda a temporada.

A lamentar deste terceiro jogo há o comportamento completamente antidesportivo dos adeptos da equipa da casa, que provocaram e agarraram sistematicamente os jogadores do Benfica devido à proximidade entre a bancada e a linha lateral.

Os mesmos adeptos arremessaram objectos para dentro de campo, o que fez com que houvesse constantes paragens de jogo. Houve também vários lançamentos de petardos.

O pavilhão Paz e Amizade não registou quaisquer condições de segurança, tudo com a conivência da Federação Portuguesa de Futebol e da Polícia.

A isto juntam-se constantes insultos provenientes da Tribuna, onde estavam vários elementos dos órgãos sociais do Sporting.

Perante estas situações, é mais um caso que vai ficar impune?

É ainda de salientar que não houve qualquer agressão por parte de elementos do Benfica a quem quer fosse do adversário. in aovivo.slbenfica.pt

O BENFICA POWER teve acesso ao novo anúncio do Sporting para angariação de novos sócios e deixamos aqui o novo outdoor que irá ser colocado em Loures.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s